13/04/2017 às 07h01min - Atualizada em 13/04/2017 às 07h01min

Vereadores apontam ‘faixa azul’ como solução para o trânsito de Leopoldina

Já é grande a reclamação de motoristas em virtude da falta de vagas para estacionar, principalmente nas ruas da região central da cidade.

Trânsito atravancado na Cotegipe é o retrato da falta de mobilidade urbana em Leopoldina. (Foto Luciano Baía Meneghite/Arquivo)

A cada dia que passa, constata-se em Leopoldina o aumento do número de veículos que trafegam pelas ruas e o número de vagas para estacionamento não atende à demanda. Já é grande a reclamação de motoristas em virtude da falta de vagas para estacionar, principalmente nas ruas da região central da cidade: Cotegipe, Presidente Carlos Luz, Dr. Custódio Junqueira, Tiradentes, entre outras. 
 
Esse tema vem ganhando proporções a ponto de ser alvo de debate na Câmara Municipal de Leopoldina. Visando encontrar uma solução para este problema, os vereadores Pastor Darci José Portella e José Augusto Cabral apresentaram aos demais parlamentares uma indicação sugerindo ao Poder Executivo a implantação da “Faixa Azul” para estacionamento rotativo no centro da cidade. A proposição recebeu aval dos demais parlamentares.
 O vereador e atual presidente do Legislativo, Pastor Darci José Portella

O sistema de “Faixa Azul” constitui-se num modelo de estacionamento rotativo, no qual o cidadão paga para ter direito à vaga. Esse modelo vem sendo adotado em algumas cidades com o objetivo de democratizar o acesso e permitir que um maior número de motoristas encontre vagas no centro da cidade.
 
“Este novo sistema de estacionamento gerará rotatividade nas vagas de estacionamento em vias e logradouros públicos no centro da cidade, principalmente nas áreas comerciais”, afirmou Pastor Darci.  Para o parlamentar, atualmente há um impasse entre o crescimento da demanda e a falta de espaços urbanos, o que obriga o Poder Público a adotar medidas que viabilizem o acesso da coletividade aos locais com grande fluxo de pessoas e veículos. “O objetivo principal desse novo sistema é melhorar a mobilidade urbana e a qualidade de vida da população”.
 
Em relação aos valores a serem cobrados, Pastor Darci comentou que caberá ao Poder Executivo fazer um estudo sobre a matéria e encontrar uma alternativa que seja viável. No entanto, ele alertou que, nesta avaliação, não pode ser ignorada a situação dos idosos e dos deficientes físicos.
 
Para ele, o pagamento poderá ser feito de forma eletrônica ou com a utilização de guardas municipais. “Será importante estabelecer uma parceria com a Associação Comercial e Industrial de Leopoldina e com a Polícia Militar”, frisou o vereador.
 
Pastor Darci não descartou a possibilidade de realizar audiências públicas para ampliar a discussão sobre esse tema, e frisou que a Câmara de Vereadores está pronta para participar desse processo. “Está na hora de a população de Leopoldina ter acesso a uma mobilidade urbana que ocorra com o mínimo de qualidade para atender aos seus interesses”, finalizou.
 
Fonte: Câmara Municipal de Leopoldina

Link
Tags »
Vereadores apontam ‘faixa azul’ como solução para o trânsito de Leopoldina
Notícias Relacionadas »
Comentários »