26/11/2021 às 16h15min - Atualizada em 26/11/2021 às 16h15min

OS ÔNIBUS E SEUS MOTORISTAS – Brasil

Edson Gomes Santos
Imaginemos uma pesquisa de opinião que dentre seus quesitos constasse a pergunta:  Você já andou de ônibus?

Creio que a resposta SIM abrangeria 99,9999% dos entrevistados.

Seja nos ônibus urbanos, nos metropolitanos, nos intermunicipais, nos interestaduais, nos internacionais, todos nós, cidadãos e cidadãs, já estivemos em suas poltronas nos nossos deslocamentos e viagens.

Considerando suas finalidades, trajetos, rotas e destinos, atualmente cada ônibus é “desenhado” visando proporcionar o necessário conforto aos usuários, nos diversos roteiros que cumprirão nos seus dia-a-dia e as empresas operadoras das linhas de ônibus tem total responsabilidade sobre suas frotas, mantendo-as nas condições legalmente previstas para prestação de tal, importante, serviço.

Mas, é claro, os ônibus não andam sozinhos... têm que haver MOTORISTAS.

Conforme a plataforma Renast, entre os anos de 2007 e 2018 houve um total de 5.420.557 registros de motoristas de ônibus urbanos e rodoviários informados via RAIS – Relação Anual de Informação Social – PIS, representando média anual de 677.562 motoristas devida e legalmente registrados em atividade... um baita contingente de importantes Trabalhadores!

Ao embarcarmos num ônibus cada um de nós, passageiros, está tão somente iniciando seu percurso predefinido e necessário, pressupondo que a viatura está revisada, abastecida, enfim, pronta para início da jornada, sendo que, iniciada a jornada, a partir daquele momento as chegadas aos nossos destinos estarão nas mãos e sob responsabilidade dos MOTORISTAS... que dali passam a conduzir VIDAS, ANSEIOS, PAIS, FILHOS, etc. 

Dá para imaginarmos quantas VIDAS, ANSEIOS, PAIS, FILHOS, etc. aqueles 5.420.557 MOTORISTAS transportaram durantes os anos de 2007 e 2018... e continuam transportando?

A primeira viagem de ônibus de que me lembro foi na antiga Viação Mineira, destino Além Paraíba, levado a passeio por meus pais, quando eu devia ter 5 ou 6 anos... 67 anos atrás, e, de lá para cá, não há como mensurar minhas viagens rodoviárias.

Mas... por que estou escrevendo sobre ônibus e MOTORISTAS?   Porque ontem, 13/11/21, tive oportunidade de conversar com um antigo colega de trabalho na Distribuidora Zona da Mata de Bebidas – BRAHMA, Nilson Rubens de Souza Brito, motorista-vendedor, ocasião em que rememoramos fatos e colegas de trabalho daquele tempo (1969/73); fiquei sabendo que ele trabalhou durante 27 anos na Viação São Geraldo, lá aposentando-se em 2000, e que, durante todos aqueles anos de trabalho não sofreu nem provocou qualquer acidente, o que comprova haver ele conseguido conduzir VIDAS, ANSEIOS, PAIS, FILHOS, etc., com totais SEGURANÇA e RESPONSABILIDADE durante sua vida de profissional MOTORISTA DE ÔNIBUS.

Então, ao Nilson e demais MOTORISTAS brasileiros de ônibus, PARABÉNS pelos seus trabalhos no transporte de BRASILEIROS, VIDAS, ANSEIOS, PAIS, FILHOS...
                                                                                                          
Link
Tags »
Relacionadas »
Comentários »