19/05/2014 às 09h02min - Atualizada em 19/05/2014 às 09h02min

Equipe de Kung Fu de Leopoldina pré-classificada para o Campeonato Mundial na China

Segundo Sifu Betinho, a classificação prévia já é, em si, um tipo de premiação

Redação
Leopoldinense

Quatro componentes da Associação Tan Lan de Kung Fu de Leopoldina, coordenada por Roberto dos Santos de Oliveira, o Mestre Betinho, foram pré-classificados para o Campeonato Mundial de Kung Fu, que acontecerá este ano na China.

Nos dias 3 e 4 de maio, Betinho e sua equipe estiveram na cidade de Campinas (SP), para o processo de seleção de atletas para participação no citado campeonato. Dos nove integrantes do grupo, seis foram pré-selecionados e, após uma segunda triagem, restaram quatro membros: Fernanda Cruz Lima, Kamila Cunha Silva, Carlos Augusto Santos Nunes e Braz Heverton de Oliveira Mota.

Segundo Sifu Betinho, a classificação prévia já é, em si, um tipo de premiação: "Precisamos entender que é uma disputa muito forte, e que estar entre os melhores de todo o Brasil não é pouca coisa. Já tivemos classificados antes, em 2009, mas não conseguimos ir até o fim. Faltou patrocínio. Mas tenho esperanças que empresas ou mesmo órgãos como a Prefeitura nos apoiem nesta empreitada.", declarou.

Na semana anterior a este evento, um grupo de oito praticantes da arte marcial em questão esteve em São Caetano do Sul no Campeonato de Kung Fu Tan Lan & Kwan Kun. Dos oito que fizeram parte da delegação de nossa cidade, todos voltaram com medalhas: 3 de ouro, 4 de prata e 1 de bronze. "Foi uma excelente marca, até porque  temos pouco apoio para irmos e mostrarmos nosso trabalho. A Prefeitura nos ajudou com o transporte, o que facilitou nossa presença. Assim, chegamos lá, onde a 'febre' do Kung-Fu está, e conseguimos trazer medalhas. Competimos inclusive com alunos de meu próprio Mestre Joilson. Isto mostra que nossa equipe é muito boa e traz resultados significativos.", disse o Sifu.

Betinho tem o projeto de criar um campeonato baseado em Leopoldina, de forma a promover o município não só na região como num âmbito maior, e também de prestigiar os atletas locais. Segundo ele, a ideia é começar trazendo participantes de cidades vizinhas como Juiz de Fora e Rio Pomba. Depois, o plano é contar com a presença de academias e indivíduos de outras localidades.

"Acho importante estimular os talentos locais", disse Betinho. "Precisamos ter bons lugares e pessoas para termos como referência. Eu, por exemplo, considero o Mestre Mauro como um ótimo modelo, além de ser uma pessoa que me apoiou no início de meu caminho nas artes marciais. Depois, aprendendo mais, passei a lecionar e acabei abrindo minha academia, mas nunca me esqueço de quem me apoiou lá no começo." E, falando em apoio, o próximo passo de Betinho é preparar os alunos para o Campeonato Mineiro, em junho de 2014. A partir deste, serão classificados os participantes do Brasileiro, no segundo semestre.

Para as pessoas interessadas em aprender Kung Fu, a Associação Tan Lan fica no "escadão" da Rua Cotegipe. Com aulas em horários variados, também é ensinado o boxe chinês (Sandá), além do Wushu estilo Louva-a-Deus.

Maiores informações pelos telefones 9119-5105 e 8463-7029.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »