11/05/2017 às 08h22min - Atualizada em 11/05/2017 às 08h22min

Associação Mineira de Municípios empossa nova direção nesta quinta-feira, 11.

O presidente eleito, Julvan Lacerda, estabeleceu 15 objetivos para auxiliar na gestão dos prefeitos mineiros

Daniel Tolentino (*)
Julvan Lacerda, prefeito de Moema, é o novo presidente da AMM
O novo Conselho Diretor e o Conselho Fiscal da Associação Mineira de Municípios (AMM), para o biênio 2017 a 2019, tomará posse nesta quinta-feira, 11 de maio, às 17h30, durante o 34º Congresso Mineiro de Municípios. Eleita com chapa única e suprapartidária, a diretoria da chapa “Prefeitos unidos, AMM forte!” ficou assim definida: Presidente: Julvan Lacerda (PMDB/Moema); Vices-presidentes: Wander Borges (PSB/Sabará), Dr. Marcos Vinícius (PSDB/Coronel Fabriciano) e Rui Ramos (PP/Pirajuba); Secretários: Maria Aparecida Magalhães (PMDB/Manhuaçu) e José Cordeiro (PSDB/Congonhas); Tesoureiros: Daniel Sucupira (PT/Teófilo Otoni) e Geraldo Godoy (PMDB/Periquito).

O presidente eleito, Julvan Lacerda, estabeleceu 15 objetivos para auxiliar na gestão dos prefeitos mineiros, como a estabilidade no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), a revisão do Pacto Federativo e a aproximação com os governos estaduais e federais. Mesmo com o aumento do repasse do FPM em 12% no primeiro quadrimestre deste ano, em comparação com o mesmo período de 2016, o valor de R$ 30,878 bilhões remetido aos municípios não conseguirá superar as despesas causadas pela recessão econômica, inflação, aumento da folha salarial, além do custo com atribuições de funções estaduais e federais.

Na avaliação de Julvan Lacerda, os prefeitos precisam estar atentos para o planejamento financeiro das cidades, a fim de cumprirem com suas obrigações orçamentárias, uma vez que o cenário econômico nacional ainda requer precaução em relação à recuperação da atividade econômica. “Levando em conta o aumento dos gastos e as perdas dos municípios, esse crescimento do repasse do FPM não representa ganho real. Os prefeitos continuam com dificuldades orçamentárias. Os prefeitos são a maior força política do País e, por isso, definimos essas 15 metas para fortalecer esses gestores municipais”, afirmou.

Presidente

O novo presidente da AMM, Julvan Lacerda, 37 anos, é bacharel em Direito, delegado de polícia licenciado, e prefeito de Moema, município da região Centro-oeste de Minas Gerais, com população estimada em 7 mil habitantes. Julvan é o mais novo prefeito a ocupar a galeria de presidentes da Associação. Pela primeira vez na história da entidade, a presidência está sob o comando de um gestor de um município com menos de 10 mil habitantes.

Posse

A cerimônia de posse da gestão 2017 – 2019 acontece às 17h30, no último dia do 34º Congresso Mineiro de Municípios, 11 de maio, no Expominas, em Belo Horizonte.

(*)Assessoria de Comunicação da AMM

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »