28/06/2017 às 08h28min - Atualizada em 28/06/2017 às 08h28min

Mais de 162 mil pessoas fizeram o Cadastramento Escolar 2018 em Minas

Pais e responsáveis devem ficar atentos para o período das matrículas, previsto para acontecer entre os dias 11 e 15 de dezembro deste ano

É por meio do cadastramento que o Governo do Estado e as prefeituras podem dimensionar a demanda escolar para o próximo ano - Crédito da foto: Carlos Alberto/Imprensa MG
O Cadastramento Escolar 2018 que, pela primeira vez, foi feito totalmente pela internet, já tem seu balanço final. Este ano, no período de 12 a 23 de junho, foram realizadas 162.097 inscrições de pessoas interessadas em ingressar no fundamental da rede pública de ensino no ano que vem. É por meio do cadastramento que o Governo do Estado e as prefeituras podem dimensionar a demanda escolar para o próximo ano e, dessa forma, encaminhar as crianças que vão iniciar os estudos, os alunos que desejam a transferência para a rede pública e os estudantes que queiram retornar à escola, seja qual for o ano do ensino fundamental, em uma unidade próxima de sua residência. Para a superintendente de Organização e Atendimento Educacional da Secretaria de Estado de Educação, Vera Vidigal, o cadastramento, feito pela primeira vez a partir de formulário eletrônico disponibilizado na Internet, foi um sucesso e muito bem aceito pela população.

“A SEE investiu muito para facilitar o cadastramento dos inscritos e a adesão foi excelente. O formulário, de simples usabilidade, não apresentou problemas e, caso os pais e/ou responsáveis tenham notado algum problema nos dados do aluno cadastrado, eles podem buscar as comissões regionais de ensino, ou corrigir os dados, se for o caso, no ato da matrícula’, comenta Vera.

A maior parte dos estudantes cadastrados é formada por crianças que vão completar 6 anos até o dia 30 de junho de 2018, e estarão iniciando os estudos no próximo ano.

Na capital, de acordo com informações da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), foram cadastrados 25.263 estudantes. Nos demais municípios do estado, em que o cadastro foi realizado por meio do site da Educação, o número de inscrições foi de 136.834 candidatos. Desse total, 96.344 são da educação infantil, 9.480 são alunos transferidos de escolas particulares e 2.263 estão retomando os estudos. Registra-se, também, que 28.747 candidatos não informaram a procedência no ato de inscrição.  

Matrícula

O encaminhamento para matrícula obedecerá, prioritariamente, ao zoneamento escolar. Esgotadas as vagas das escolas de cada zoneamento, o candidato será encaminhado para a escola pública de acesso mais fácil. Os cadastrados de Belo Horizonte receberão uma carta com a orientação da escola para a qual o candidato foi encaminhado. Já os cadastrados no interior deverão procurar os postos de cadastramento de seu município ou a Superintendência Regional de Ensino da localidade para saber para qual escola foi encaminhado.

A matrícula será unificada nas redes públicas – estadual e municipal – e ocorrerá entre 11 e 15 de dezembro de 2017. Para garantir a vaga, o aluno, ou seu responsável, deverá comparecer a escola para qual foi encaminhado para efetivar sua matrícula, levando os seguintes documentos:

-Cópia e original da conta de luz da residência do candidato, em conformidade com o endereço atestado na inscrição;
-CPF do responsável;
- Cópia e original da certidão de nascimento ou carteira de identidade do aluno;
-Comprovante de escolaridade, quando for o caso de transferência de outros municípios, retorno aos estudos ou cursos da EJA.

Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado de Educação (SEE)

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »