25/06/2014 às 13h50min - Atualizada em 25/06/2014 às 13h50min

12º Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba reúne grandes chefs e mostra o melhor da cozinha mineira

A 12ª edição do Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba acontece entre os dias 30 de julho e 3 de agosto.

Os fãs da moda de viola e da tradicional cozinha de Minas, conhecida pelos pratos ricos em sabor e cheios de histórias, não podem ficar de fora da 12ª edição do Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba, que acontece entre os dias 30 de julho e 3 de agosto, na acolhedora Piacatuba, distrito de Leopoldina localizado na Zona da Mata e a 322 km de Belo Horizonte. Para reforçar a missão de valorizar a cultura mineira, a mandioca foi escolhida como tema do Festival 2014 e promete dar um sabor especial aos pratos e ao estilo de cada chef. "Nosso objetivo é preservar e incentivar a identidade gastronômica do nosso Estado e tornar Piacatuba um roteiro para os amantes da boa cozinha", garante Maria Lúcia Braga, produtora e coordenadora do Festival.

Para o chef Pablo Oazen, que fará sua estreia no evento à frente do Restaurante Quintal Goumert Manga Rosa, a mandioca é o verdadeiro arroz com feijão do brasileiro. "Utilizar produtos locais e valorizar a agricultura familiar é um movimento que já existe nos grandes centros, sendo praticado pelos principais chefs do país e do mundo. O principal desafio é fazer o grande público valorizar o que é nosso", analisa Oazen, que traz a delicadeza de suas influências européias para compor pratos com as delícias regionais, como a Paella Mineira, inspiração espanhola combinada com ingredientes típicos de Minas.

A paella mineira é uma brincadeira que eu faço, na qual as pessoas se identificam bastante. Primeiro, pelo fato de ser preparada na frente do cliente, depois pelos ingredientes que utilizo. A base é de uma paella tradicional, com arroz, açafrão, legumes e vinho branco. E para dar um toque "mineiro", os tradicionais frutos do mar são substituídos pela costelinha, linguicinha e coxas de frango desossadas. O resultado final é incrível-, garante Pablo Oazen, que é de Juiz de Fora e ganhou experiência internacional após cinco anos em restaurantes europeus.

O Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba vem crescendo ao longo dos últimos dez anos e com esse crescimento veio a necessidade de novos desafios. Nesta edição, a novidade ficará por conta do I Grand Festim Mineirices, um jantar  harmonizado, que acontecerá dia 2 de agosto, no Restaurante Quintal Manga Rosa, com menu a cargo do chef Pablo Oazen.

Outro destaque da 12ª edição do Festival de Viola e Gastronomia é o Restaurante Quintal Goumert da Minha Terra, que este ano será comandado por um trio de mineiras: as chefs Fernanda, Glaucia e Teresa Raquel, que trazem uma proposta gourmet da tradicional comida mineira e contarão com a presença do renomado chef Ricardo Vieira, vencedor do concurso de talentos do Estado de Minas Gerais, no Madrid Fusion 2013.

Já que a idéia é misturar num só local música de qualidade com o melhor sabor mineiro, caberá a ninguém menos que Lô Borges, um dos maiores cantores e compositores da MPB, fazer o show de abertura do Festival de Piacatuba, dia 30 de julho. Dia 31, sobem ao palco os violeiros João Ormond e Pereira da Viola. Dia 1º de agosto, será a vez de Fernando Sodré, reconhecido como uma das mais importantes vozes da viola no mundo, e dia 2 de julho, o show de encerramento fica por conta do menestrel Oswaldo Montenegro, com seu novo espetáculo "3x4".

Aprovado pela Lei Estadual de Incentivo à Cultura do governo de Minas Gerais, o Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba tem produção e coordenação de Maria Lúcia Braga, com patrocínio master da Energisa, patrocínio do Governo do Estado, Bohemia, Zollern, Prefeitura de Leopoldina, apoio da Câmara Municipal de Leopoldina, Lei de Incentivo à Cultura e da Fundação Ormeo Junqueira Botelho.

Restaurantes participantes:

ESPAÇO GOURMET MARIA DE DIRCEU

Cardápio: Tradicional Escondidinho: Escondidinho de camarão e de carne seca; Caldo e Carne de Sol; Caldo De Camarão ao creme de Mandioca e Carne de Sol com Mandioca

CHEFS: João Fajardo e Arlete

QUINTAL GOURMET BÊ-Á-BÁ DA TEREZINHA

Cardápio: Filé mignon ao molho gorgonzola ou madeira, com arroz branco e batata soutê; Mineiro Come Keto: Costelinha de porco com molho barbecue, arroz, tutu com linguiça, mandioca e couve; Risoto de Camarão

CHEF: Manoel Inácio Peixoto

 QUINTAL GOURMET DA MINHA TERRA

Entradas: Trio Capetinha- Canudinho recheado com ragu de linguiça, acompanhado com geleia de pimenta e uma dose de cachaça premiada; Bolinho de feijoada; Satay mineiro

Pratos principais: Bobó mineiro; e Brasileirinha:Confit de costela sobre cama de baroa e espinafre cremososa

Jantar de sábado: Chef Ricardo Vieira: Lombinho confitado, farofa de castanha brasileira com pequi, pirão de taioba, queijo canastra, molho de pimenta.

Almoço de sábado: Feijoada

Almoço de domingo: Frango com Quiabo

CHEFS: Fernanda, Gláucia e Teresa Raquel

QUINTAL GOURMET MÃE JOANA

Cardápio: Frango à moda da Casa: Creme de mandioca com catupiry e picadinho de frango ao vinho com ervas e muçarela; Lagarto Molhado: Lagarto ao molho de laranja e queijo; Costela do boi: Costela de boi ao vinho e jiló com angu

CHEF: Sandoval Fidélis de Carvalho Filho

 

QUINTAL GOURMET MANGA ROSA

Menu Degustação: Entrada: Polenta cremosa, fonduta de queijos mineiros e castanhas. 
Prato Principal: Porquinho Prensado, cuscuz de canjiquinha e ora-pro-nobis. 
Sobremesa: Trifle de banana - banana, doce de leite, paçoquinha e sorvete de creme.

Regatone: Com creme de leite fresco, parmesão, limão e migas de pão.

Peixe do dia: Com purê de banana caramelizada e legumes verdes.

Porquinho Prensado: Com cuscuz de canjiquinha e ora-pro-nobis.

Rabada ao vinho tinto: Cozida por 6 horas, cebolinha e polenta defumada.

Sobremesas: Trifle de banana: banana, doce de leite, paçoquinha e sorvete de creme; Romeu e Julieta: goiabada crocante, sorvete de queijo e tapioca em piso refrescante de canela.

Cardápio de domingo: Paella Mineira

CHEF: Pablo Oazen

QUINTAL GOURMET Ó PAÍ, Ó

Cardápio: Leitoa a pururuca: Arroz branco, tutu, couve, banana frita;

Carne Tropeira: Arroz branco, purê de mandioca, manteiga de garrafa, carne de boi cozida e feijão fradinho. Petiscos: Rocambole de torresmo, Conchinha de Jiló recheada com linguiça de Recreio.

CHEF: Alceir de Andrade de Silva

RESTAURANTE DAS PEDRAS

Entradas: Brusqueta de Shitake, Canudinho de bacalhau, Tartare de salmão

Pratos principais com sobremesa: Costelinha defumada ao molho de barbecue com mashed potatoes, brócolis salteados no azeite aromatizado,alho e alecrim. Sobremesa: Profiteroles de queijo com calda de goiaba;  Tornedor de filé mignon grelhado, espaguete de pupunha ao creme de azeite balsâmico e módena e arroz com nozes. Sobremesa: Manjar de coco, com calda de chocolate; Penne ao molho cremoso de alho poro com camarões salteados no azeite. Sobremesa: Crepe de chocolate com creme de baunilha e morango.

CHEF: Malu França

  

RESTAURANTE SPETACOLLO

Cardápio:Medalhão do Rei:Medalhão de filé mignon, arroz à piamontese, batata chips; Picanha Sérgio Reis:Picanha ao sal grosso, batata south, arroz com brócolis e alho; Bobó de Camarão:Camarão ao creme de mandioca, aromatizado com coentro e arroz branco.

CHEF: Maria Aparecida Furtado

Mais informações para a imprensa:

Fernanda Espíndola

(32) 8848-2957

www.festivaldepiacatuba.com.br

[email protected]


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »