14/07/2017 às 10h23min - Atualizada em 14/07/2017 às 10h23min

Corpo de Bombeiros Militar completa dois anos de funcionamento em Leopoldina

Pelotão funciona em instalações alugadas e prefeito já procura terreno para a construção de sede própria, segundo projeto padrão da CBMMG.

Edição: Luiz Otávio Meneghite - com foto de João Gabriel Baia Meneghite
A sede do CBMMG em Leopoldina fica ao lado da sede do SAMU
No dia 17 de julho de 2015, foi inaugurado o 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar em Leopoldina. A Unidade é subordinada à 3ª Companhia, do 4º Batalhão de Bombeiros Militar de Minas Gerais, com base em Juiz de Fora e funciona ao lado das instalações do SAMU, no antigo Hotel Centenário, que foi adaptado pelo proprietário de acordo com as exigências do CBMMG para receber também a Unidade do Corpo de Bombeiros. As instalações burocráticas foram totalmente equipadas com recursos municipais. O Pelotão funcionará no local até que seja construída sua sede própria na cidade, no prazo estipulado na ocasião de dois anos, obedecendo a projeto arquitetônico executivo de pelotão autorizado pelo CBMMG. O imóvel, localizado à rua José Peres é dotado de duas salas e um salão comercial, de propriedade da empresa Centenário Participações e Empreendimentos Imobiliários Ltda-ME, e custa por ano aos cofres municipais R$66.000,00. Vencidos os dois anos previstos no compromisso assinado em 2015, o prefeito José Roberto já selecionou alguns terrenos para a construção da sede própria.

A solenidade de inauguração foi prestigiada por vereadores, empresários e autoridades das 11 cidades da região que são atendidas pelo Pelotão local além de Leopoldina: Além Paraíba, Argirita, Cataguases, Estrela Dalva, Itamarati de Minas, Laranjal, Palma, Pirapetinga, Recreio, Santo Antônio do Aventureiro e Volta Grande. Também estiveram presentes na solenidade de inauguração o deputado federal Marcus Pestana, o deputado estadual Antônio Jorge e o então presidente da Câmara Municipal de Leopoldina Ivan Nogueira, entre outros vereadores. O deputado federal Marcus Pestana e o deputado estadual Antônio Jorge comentaram sobre a importância do Corpo de Bombeiros Militar para a cidade de Leopoldina e lembraram-se da importância do trabalho conjunto entre Samu e Bombeiros.

Em seu discurso, o prefeito José Roberto lembrou do tempo em que foi militar, atuando pelo exército brasileiro. “a vida militar me ensinou muitas coisas, entre elas a disciplina e o respeito à hierarquia, virtudes que carrego comigo até hoje”.  José Roberto lembrou ainda de momentos trágicos que presenciou como médico em acidentes nas rodovias, mostrando a importância da presença do Corpo de Bombeiros na cidade.  “Este momento é um dos mais emocionantes em toda a minha trajetória política”, disse o prefeito na ocasião.

O então Comandante Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, Coronel BM Luiz Henrique Gualberto Moreira agradeceu ao Governador Fernando Pimentel e a todos que contribuíram de forma para a realização daquele sonho, em especial ao prefeito José Roberto de Oliveira. “Todas as dificuldades para a instalação do 4º Pelotão em Leopoldina  foram superadas graças a perseverança e a seriedade de todos envolvidos nessa empreitada, em especial destacando a participação da Prefeitura Municipal de Leopoldina. É justo que se destaque também o trabalho dos Bombeiros Militares, que direta ou indiretamente estiveram envolvidos neste projeto”, comentou Gualberto.

Após a solenidade, o Comando do Corpo de Bombeiros Militar convidou o prefeito a fazer uma visita às instalações, bem como testar equipamentos de resgate da corporação, cortando uma corrente em frente à sede do 4º Pelotão. O Pelotão de Leopoldina tem um contingente de 30 militares remanejados da área do 3º COB – Comando Operacional de Bombeiros, de Juiz de Fora, além de quatro viaturas de combate a incêndio e salvamento. O abastecimento dessas viaturas é feito pelo Município, assim como já acontece com as viaturas da Polícia Militar. De acordo com o convênio pactuado entre o Município de Leopoldina e o Corpo de Bombeiros, assinaram o documento o prefeito José Roberto de Oliveira e o Tenente Coronel BM Sérgio Ricardo Santos de Oliveira, então Comandante do 4º BBM sediado em Juiz de Fora. Nos termos do convênio, o Corpo de Bombeiros, além de planejar, supervisionar, coordenar e fiscalizar vai executar os serviços de prevenção e de combate a incêndio, busca e salvamento, resgate e defesa civil no Município de Leopoldina e região. Cabe também ao CBBMG exercer as atividades técnicas de análise de projetos de prevenção e combate a incêndios, bem como vistoria de liberação de obras e fiscalização nas edificações destinadas ao uso coletivo de acordo com a legislação em vigor.

Prefeito foi homenageado com a ‘Comenda Machadinha’

O Comando do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais entregou a Comenda Machadinha ao prefeito do município de Leopoldina José Roberto de Oliveira na ocasião da inauguração do 4º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar em Leopoldina. A Comenda Machadinha foi criada pela Resolução nº 101 de 17 de julho de 2003. Ela é a mais alta homenagem do Corpo de Bombeiros concedida para agraciar pessoas e entidades que tenha contribuído para melhoria e aprimoramento da eficiência dos trabalhos do corpo de bombeiros militar. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »