18/11/2017 às 13h44min - Atualizada em 18/11/2017 às 13h44min

CISUM credencia empresa de Muriaé para sessões de oxigenoterapia hiperbárica

A contratação visa atender às demandas das Secretarias Municipais de Saúde dos Municípios consorciados.

Edição> Luiz Otávio Meneghite
Imagem meramente ilustrativa
A Secretária Executiva do CISUM-Consórcio Intermunicipal União da Mata, Tarcilia Rodrigues Fernandes, publicou na edição nº 2127, de 16/11/2017, o extrato de homologação do credenciamento da SEDIM-Serviços de Diagnóstico por Imagem Muriaé Ltda,  localizada na Rua Coronel Izalino, nº 187, Sala B - Raio X, Centro, Muriaé.

De acordo com a publicação houve inexigibilidade de licitação devido à especialização da empresa na realização de sessões de oxigenoterapia hiperbárica. O valor estimado é de até R$103.320,00.A contratação visa atender às demandas das Secretarias Municipais de Saúde dos Municípios consorciados: Argirita, Astolfo Dutra, Cataguases, Dona Eusébia, Estrela Dalva, Laranjal, Leopoldina, Itamarati de Minas, Recreio, Santana de Cataguases e Volta Grande.

Oxigenoterapia Hiperbárica ou OHB

A Oxigenoterapia Hiperbárica ou OHB é uma modalidade terapêutica na qual um paciente é submetido à inalação de oxigênio puro em uma pressão maior que a pressão atmosférica (em geral, de 2 a 3 atm), dentro de uma câmara hermeticamente fechada com paredes rígidas. O equipamento básico da OHB é a câmara hiperbárica. Essas câmaras são, em essência, cilindros metálicos resistentes à pressão (estanques), dotados de vigias ou janelas. Algumas câmaras projetadas para tratamento individual são construídas com acrílico transparente resistente à pressão, o que permite contato visual com o paciente e minimiza a incidência da ansiedade em portadores de claustrofobia. Para segurança e conforto do paciente, as câmaras hiperbáricas são dotadas de um sistema de rádio que mantém a comunicação entre o paciente e equipe fora da câmara.

Existem 2 tipos de câmara hiperbárica: individuais (monopacientes) e multipacientes. Ambas permitem o uso de ventiladores mecânicos (respiradores), bombas para infusões venosas, transfusões, e outros procedimentos feitos por equipamentos especialmente projetados para funcionamento em ambiente hiperbárico. (Fonte> Wikipédia).

Fonte: Diário Oficial dos Municípios Mineiros
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »