19/07/2018 às 10h13min - Atualizada em 19/07/2018 às 10h13min

Você confia nos medicamentos genéricos?

Alguns médicos ainda resistem em receitar os medicamentos genéricos insistindo na indicação dos remédios de marca, que são mais caros.

Segundo publicação Guia da Farmácia, de 14 de março de 2017, os genéricos nasceram no Brasil em 1999, com o propósito de ser cópias fiéis dos medicamentos chamados de referência ou de marca. Mas copiar esses medicamentos não é uma tarefa tão simples quanto se imagina, já que a indústria precisa obedecer a rigorosos padrões de controle de qualidade. Assim, só podem chegar ao consumidor depois de passarem por uma série de testes, in vitro e em seres humanos.

Justamente por conta do rigor desses testes é que os medicamentos genéricos podem ser intercambiáveis, permitindo que substituam os medicamentos de referência indicados nas prescrições médicas, com absoluta segurança para o consumidor. E segundo determina a legislação, a troca pode ser realizada pelo profissional farmacêutico, no momento da venda.

Apesar dessa segurança, alguns médicos ainda resistem em receitar os medicamentos genéricos insistindo na indicação dos remédios de marca, que são mais caros para o consumidor.

O Jornal Leopoldinense submete à apreciação de seus leitores a seguinte enquete: Você confia nos medicamentos genéricos?

Clique aqui para votar

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »