28/07/2018 às 19h02min - Atualizada em 28/07/2018 às 19h02min

Ronaldo Tobias e João Paulo vencem a 15ª edição do Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia

Na etapa regional, o vencedor foi João Paulo de Souza e o leopoldinense Fabrício Manca garantiu a segunda colocação.

Fernanda Espíndola (*)
O campeão da etapa nacional, Ronaldo Tobias, agradeceu ao público pela vitória em Piacatuba. Ao fundo, Eduardo Mantovani, presidente da Energisa, e Maria Lúcia Braga, produtora do Festival.
Leopoldina, MG- Com a música “Flor do Vale”, o mineiro Ronaldo Tobias, de Montes Claros, venceu a etapa nacional da 15ª edição do Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia, disputada na noite de ontem, 27 de julho, no distrito de Piacatuba. O evento premiou ainda o baiano Walter Lages, que leva para Vitória da Conquista a segunda colocação com a canção “Noite, Viola e Cantoria”; e o pernambucano Tavinho Limma,  radicado em Ilha Solteira (SP), que garantiu a terceira posição com a música “Uai faz, Wifi”. O mineiro Lucas, de Viçosa, ficou com o troféu de melhor violeiro, interpretando ao lado de Vinícius a composição “Viola de Aroeira”.

Na etapa regional, o vencedor foi João Paulo de Souza, com a canção “Veneno da Morena”. Cantando “Romaria dos Miseráveis”, o leopoldinense Fabrício Manca garantiu a segunda colocação. Já a canção “Capoeira Grande”, interpretada pela dupla Vitor Silveira e Anderson Guimarães, além de garantir a terceira colocação, deu ao juiz-forano Vitor Silveira o prêmio de melhor violeiro da etapa regional.

Este ano, as mostras distribuíram prêmios iguais para as duas etapas: 1º lugar: R$ 6.000,00, mais troféu; 2º lugar: R$ 2.500,00, mais troféu; 3º lugar: R$ 1.500,00, mais troféu e Melhor Violeiro: R$1.500,00, mais troféu. O Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia prossegue hoje e para a última noite de shows a produção reservou três grandes artistas. Vencedor da etapa nacional na última edição do Festival, o cantor e compositor Cícero Gonçalves faz sua primeira apresentação como artista convidado e levará ao público canções do seu novo disco, o terceiro da sua carreira, todas exaltando a musicalidade do homem do campo e suas manifestações.

Em seguida, quem sobe no palco é o violeiro, cantor e compositor Yassir Chediak.  Autor de trilhas sonoras, Chediak participou de novelas e seriados da Rede Globo. Com mais de 20 anos de carreira, ele é um dos responsáveis pela preservação da viola de 10 cordas, acrescentando um toque mais sofisticado ao instrumento, dando projeção internacional ao estilo.
 
E para fechar a programação de shows em 2018, a produção do Festival escalou um autêntico representante da música de raiz: Pereira da Viola, considerado pela crítica como um ícone da viola caipira. Com estilo original e versátil, o mineiro costuma encantar pelo carisma e um repertório diversificado. Conhecido e querido do público de Piacatuba, Pereira da Viola acaba de lançar seu novo álbum “Novos Caminhos”, com 10 faixas autorais e melodias construídas a partir do diálogo entre a viola e a poesia, e arranjos que destacam seu virtuosismo e influências da música caipira. Produzido e coordenado por Maria Lúcia Braga, o Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia é patrocinado pela Energisa, tem o incentivo do Governo de Minas, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, e apoios da Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho, Unimed, Sol e Neve, Academia Top Fit, Molé Fotografia e Prefeitura Municipal de Leopoldina.
 
 (*) Assessoria de Imprensa do Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »