24/05/2019 às 11h27min - Atualizada em 24/05/2019 às 11h27min

Abertura da Bienal do Livro de Ubá 2019 reúne centenas de pessoas na Praça São Januário

Fotos: Servando Lopes Servando Lopes / Foto&Vídeo
A solenidade de abertura da Bienal do Livro de Ubá 2019 reuniu centenas de pessoas na Praça São Januário, na noite desta quinta-feira (23), em um clima de alegria, confraternização e muita emoção. 
 
O arte educador Márcio Vesoli encantou os adultos e crianças com a magia do Chapeleiro em sua perna de pau. As jovens bailarinas de Rose Silva, também. A cerimônia contou ainda com Sandro Schiavon e Wagner Candian na execução do Hino Nacional, com o coral dos alunos da Escola Municipal Tânus Féres de Andrade acompanhados pela musicista Tatiane Andrade e pelo maestro Wantuil Alexandre cantando o Hino de Ubá, e o professor Marquinhos e aluna Elaine da Academia Arte e Dança em uma bela homenagem a Ary Barroso.
 
Em seguida, a Secretária de Educação Beth Barros deu as boas vindas aos presentes, salientou a importância do empenho de toda a equipe da administração municipal, servidores e secretários, para a realização da Bienal 2019. “Para a realização de um evento deste porte, que vai oferecer uma programação tão variada e vai receber um público, não só local mas regional, o trabalho e empenho de toda a administração é fundamental. Quero prestar meus agradecimentos a todos que participaram da construção deste evento grandioso, sendo representados aqui pelos secretários municipais, pelo vice-prefeito e pelas servidoras Nádia Esteves Xúbias e Andréa Dias. Quero pontuar ainda três destaques da programação da nossa Bienal: a criação do Espaço Antônio Olinto, que traz fragmentos da obra e da vida do autor como forma de homenagem ao centenário de nascimento deste ubaense ilustre; o retorno, após 08 anos de pausa, do Madrigal Ubaese que nos brindou com uma apresentação magnífica durante a programação Pré-Bienal e a exitosa iniciativa do Concurso de Desenho e Redação “Professora Marlene Marques”, que nesta segunda edição surpreendeu a todos pela qualidade dos trabalhos apresentados, mostrando que a educação em Ubá está no caminho certo do incentivo a leitura e a paixão aos livros”, afirmou.

O vice-prefeito, secretário de Governo e Cultura, Vinícius Samôr de Lacerda declarou aberta a Bienal do Livro de Ubá 2019 e destacou que o investimento em Educação e Cultura são fundamentais para melhorar a sociedade como um todo. “Essa é uma premissa do prefeito Edson e da nossa administração, todo recurso aplicado em políticas de educação e cultura, em ações e projetos de incentivo à leitura e a arte, não são considerados gastos e sim investimento. Um investimento capaz de gerar uma sociedade melhor e mais cidadã” explicou.
 
A noite do primeiro dia de programação da Bienal do Livro de Ubá 2019 terminou depois de um show muito especial e aplaudido da banda Lúdica Música!
  
Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de Ubá
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »