31/05/2019 às 09h31min - Atualizada em 31/05/2019 às 09h31min

Waldair Costa defende que investir em Educação traz retorno em todas as áreas

Cerca de 21 leopoldinenses que estudam no Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia, Campus Rio Pomba, pleiteiam do Município o pagamento das despesas de viagem.

Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais (IF Sudeste MG) Campus Rio Pomba
Em recente reunião ordinária realizada neste mês de maio, a Câmara Municipal de Leopoldina aprovou indicação solicitando transporte para os alunos matriculados em cursos superiores e técnicos na cidade de Rio Pomba. A proposição foi apresentada pelo vereador Waldair Barbosa Costa, após receber esta demanda por parte dos próprios estudantes.
 
Cerca de 21 leopoldinenses que estudam no Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia, Campus Rio Pomba, encaminharam à presidência do Legislativo uma correspondência solicitando apoio dos vereadores no sentido de que o município disponibilize transporte de ida (domingos, às 17 horas) e de volta (sextas-feiras, às 17 horas), possibilitando que os estudantes retornem para suas casas nos finais de semana.
 
Consta da correspondência a informação de que os cursos oferecidos em Rio Pomba não são os mesmos existentes em Leopoldina. Os jovens estão matriculados nos cursos de Matemática, Zootecnia, Educação Física, Computação, Agropecuária, Alimentos, Agroecologia, Meio Ambiente, entre outros.
 

Waldair Barbosa Costa salientou que os alunos possuem poucos recursos financeiros para arcar com as despesas e que há um grande esforço deles e de seus familiares para a conclusão dos cursos. Na avaliação do vereador, investimento na educação traz retorno em todas as áreas. Futuramente, esses estudantes serão profissionais que serão absorvidos pelo mercado de trabalho, promovendo crescimento econômico e social de Leopoldina e região.
 
Na indicação encaminhada ao Chefe do Executivo, com cópia para a Secretaria Municipal de Educação, o vereador sugeriu que seja enviado à Câmara um projeto de lei nos mesmos moldes da Lei Municipal nº 4.449/2018 que autorizou o município a contratar transporte integral para alunos de ensino superior que residem nos distritos de Leopoldina.
 
“Tenho a consciência de que os estudantes precisam do transporte, porque já assumem diversas despesas como alojamento, aluguel, alimentação, materiais para estudo, entre outros. Portanto, a concessão do transporte representará o reconhecimento por todo esse esforço dos alunos e de seus familiares”, ponderou Waldair.
 
O parlamentar disse entender que o município pode, sim, fornecer o transporte a esses estudantes, desde que haja uma lei autorizativa e previsão orçamentária. “Pelas manifestações dos vereadores que, inclusive, assinaram na proposição, não tenho dúvidas de que, se a matéria for encaminhada à Câmara, haverá aprovação unânime”, afirmou Waldair que agora está aguardando o posicionamento do Executivo.
 
O presidente do Legislativo ressaltou que as relações familiares servem de suporte para o jovem que sai ainda cedo da casa dos pais. Segundo ele, dificuldades de adaptação a uma nova realidade, longe do apoio da família, podem causar desinteresse e abandono do curso. “É fundamental que haja uma maior aproximação familiar durante a graduação. Oferecer facilidades para que o estudante tenha contato com o ambiente familiar nos finais de semana pode diminuir a ansiedade e fortalecer o sentimento de segurança, evitando, assim, a evasão”, concluiu o parlamentar.
 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »