27/11/2019 às 15h35min - Atualizada em 27/11/2019 às 15h35min

Grupo Studio chega a Leopoldina com proposta inovadora para otimizar carga tributária

João Gabriel B. Meneghite
O mercado da região passou a contar com franquia do Grupo Studio, empresa especializada em auditoria e consultoria, que analisa soluções para otimização do fluxo de caixa com base na redução da carga tributária.
 
Uma solenidade de apresentação do novo empreendimento e propostas de trabalho foi realizada na manhã desta terça-feira, 26 de novembro de 2019, no Centro de Convenções Brahim Elias Sleiman, no Edifício Rubem Duarte, sede da Associação Comercial, Industrial, Agropecuária e Serviços de Leopoldina, reunindo empresários e contadores locais.
 
Os responsáveis pela Franquia em Leopoldina, a advogada pública, pós-graduada em Advocacia Pública e pós-graduanda em Direito Tributário, Dra. Viviani Cesar Corrêa e seu Sócio-Consultor Álvaro Louzada, demonstraram o pacote de serviços ofertados, além de explicarem que a missão da empresa é interiorizar e democratizar soluções corporativas difundidas em grandes centros, auxiliando na redução da carga tributária de um negócio, e, por conseguinte, no aumento de seu fluxo de caixa e na sua competitividade.
 

Por vídeo conferência, o diretor comercial do grupo Diego Saliba explicou que, no segmento da E-Fiscal, o trabalho identifica situações de pagamentos indevidos,  realizados nos últimos 60 meses, através da análise dos procedimentos fiscais relativos aos produtos com tributação monofásica de PIS e CONFINS, além da substituição tributária de ICMS. “Tais valores poderão ser aproveitados para compensação dos tributos vencidos ou solicitada a restituição em espécie”, comentou.
 
Ele informou ainda que cerca de 95% das empresas pagam mais impostos do que deviam e que a especialidade do grupo é realizar uma análise do negócio nos últimos cinco anos, restituindo os valores, quando for direito, em âmbito administrativo.
 
Citou exemplos dos segmentos de autopeças, que, em média, possuem o valor de R$36.000,00 a ser restituído nesse período. Também falou sobre as empresas enquadradas no regime tributário ‘lucro real’ que, dependendo do faturamento, podem pagar indevidamente milhares de reais.
 
“Esse é o tipo de análise que fazemos. Muitas das vezes o PIS e COFINS já foram pagos na origem. É muito complexo para as empresas que comercializam milhares de itens saber quais impostos já foram pagos, dificultando o controle e acarretando a duplicidade de pagamento”, comentou.
 
A Sócia Dra. Viviani (foto) é servidora concursada da Prefeitura de Leopoldina e atualmente é Procuradora Geral do Município. Em diversas ocasiões observou arbitrariedades nas esferas federais, se posicionando em processos sobre a temática. Isso fez com que estudasse o mercado, buscando especialização na área tributária, vislumbrando oportunidade de atuação no segmento empresarial.
 
Com isso, encontrou no Grupo Studio Fiscal um parceiro fundamental para colocar na prática os trabalhos nesta área. “É um parceiro na área de tecnologia da informação de precisão, qualidade e segurança para os levantamentos necessários”, garantiu.
 
O Grupo Studio, que está presente no mercado nacional há 20 anos, oferta soluções empresariais para a chamada 'Nova Economia'. São mais de 300 profissionais especializados divididos em 11 setores, dando suporte ao franqueado na operacionalização do serviço, trabalha para difundir as informações do complexo sistema tributário brasileiro, cujas normas e legislações estão em constantes mudanças. O grupo empresarial tem o propósito de ajudar o mercado em virtude do gap administrativo e mercadológico existentes.
 
Possui em seu portfólio clientes como AMBEV, Natura, Chilli Beans e diversos segmentos econômicos como concessionárias, supermercados, farmácias, autopeças, entre outros.

Mais informações: 

Pedro Augusto Machado Monteiro (Diretor da ACIL); Waldair Costa (Presidente da Câmara Municipal de Leopoldina); Viviane Cesar Corrêa e Álvaro Louzada (Grupo Studio), Jairo Seoldo (Presidente da ACIL) e Lilian Mônica Abrão Viana (Gestora ACIL).
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »