28/11/2019 às 13h19min - Atualizada em 29/11/2019 às 09h24min

Perspectivas para Leopoldina é pauta de encontro multipartidário de olho em 2020

O objetivo é a construção de mudanças na forma de administrar com respeito às diferenças, diálogo e a democracia, elaborando em conjunto um programa de governo.

João Gabriel B. Meneghite
Os partidos PV, PSB, PTB e PDT de Leopoldina promoveram um encontro na sede do Rotary Clube na noite desta quarta-feira, 28 de novembro de 2019, recebendo filiados e simpatizantes para apresentarem uma proposta de formação de um bloco suprapartidário entre os referidos partidos, para caminharem em conjunto nas eleições municipais de 2020.

O objetivo apresentado propôs a construção de um grupo político visando mudanças na forma de administrar o município, com respeito às diferenças, diálogo e a democracia, elaborando em conjunto um programa de governo.

O presidente local do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) Ricardo Ávila de Almeida comentou que o momento é de conclamar a união dos partidos e projetos. Disse ainda que sozinho não se chega a lugar algum e que é preciso unir forças, conversando com todos os partidos que tenham ideais democráticos, de transparência e luta. 

Precisamos de novas ideias. Leopoldina precisa oxigenar. Somos contra a perpetuação no poder, outros grupos tem que assumir, ideias novas tem que surgir e os pré-candidatos a vereadores são muito importantes nessa caminhada. Estamos montando um plano de governo muito interessante e gostaríamos da ideia de todos”, comentou.

Representando o presidente do Partido Democrático Trabalhista (PDT) Gustavo Bitencourt Batista, esteve presente a reunião Fernando Pires, que justificou a ausência do presidente e se colocou à disposição para ajudar no que for possível.

Luciano do Vale Neto é presidente local do Partido Socialista Brasileiro (PSB) e falou sobre um município mais igualitário, trabalhando em prol da população mais carente. Disse estar esperançoso por uma mudança, salientando a importância de encontrar uma vocação para Leopoldina, citando exemplos da disparidade de municípios da região com Leopoldina.

O pré-candidato ao cargo de prefeito  Ricardo Carvalho Gomes (PSB) contou sua trajetória como empresário e venerável da Loja Maçônica 27 de abril. Disse que nunca pensou em ser pré-candidato, mas que seus amigos enxergaram nele esse potencial, surgindo daí o interesse de colocar o seu nome à disposição, respeitando as convenções partidárias e objetivando a união de forças.

“Um dos motivos de aceitar esse desafio é trabalhar para um município melhor para nós e nossos filhos, focados em melhorias da saúde, educação, meio ambiente, assistência social, esporte, lazer, cultura, apoio ao homem do campo, geração de emprego e renda, valorização dos servidores através da qualificação profissional, buscando eficiência e eficácia na qualidade dos serviços públicos, além de valorizar os empresários locais e entidades especiais. Estamos iniciando a construção de um projeto para uma Leopoldina melhor, mais democrática, com ideias progressistas”, comentou.
Ricardo Carvalho Gomes (Ricardo PafPax)
 
Outro pré-candidato ao cargo de prefeito, o advogado, professor e diretor das Faculdades Doctum Rodrigo Junqueira Reis Pimentel (PV) explicou que o evento é o primeiro passo de uma longa caminhada. Utilizando uma linguagem metafórica, falou sobre o início de uma construção, com uma estrutura bem feita.

“Não adianta fazermos um alicerce se não tivermos gente para essa construção coletiva, não se trata de um projeto individual, mas com participação de todos. Até o período de convenções partidárias teremos muitas reuniões e conversas com os partidos que comungam com a nossa visão, compondo e ajudando muito nesta aliança que hoje damos início. Estamos pensando no futuro, queremos avançar, mas como? O que vamos ser? Qual é nossa vocação? De que forma vamos mudar o futuro de nosso município? São essas as reflexões que devemos fazer e muito disso passa pela política. É preciso do apoio do poder público a práticas inovadoras, é preciso querer fazer algo a mais. Se ficar do mesmo jeito, com a mesma política, de cabide de empregos, cartas marcadas, o rumo não vai mudar e o final do filme será sempre o mesmo”.
Rodrigo Junqueira Reis Pimentel

Após os discursos, muitos simpatizantes também fizeram o uso da palavra, elogiando a iniciativa do encontro e ponderando questões ligadas a diversas áreas, seja evidenciando os problemas existentes e discutindo modelos de projetos de sucesso implementados em outros municípios.

Bernardo Guedes também discursou na ocasião

Fernando Pires, Rodrigo Pimentel, Ricardo Paf Pax, Ricardo Ávila, Luciano do Vale Neto e Jorge Antônio.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »