26/02/2020 às 19h54min - Atualizada em 27/02/2020 às 08h36min

Dom Edson Oriolo grava mensagem sobre a Campanha da Fraternidade 2020

O bispo da Diocese de Leopoldina, dom Edson Oriolo, gravou um vídeo sobre a Campanha da Fraternidade, modo com o qual a Igreja Católica no Brasil vivencia a Quaresma, período do ano litúrgico que precede à celebração da Páscoa.

Em sua mensagem pediu que sejam intensificadas as orações e reflexões à luz da referida campanha, que neste ano tem como tema “Fraternidade e Vida: dom e compromisso” e o lema “Viu, sentiu compaixão e cuidou dele” (Lc 10,33-34), texto das Sagradas Escrituras extraído do Evangelho de São Lucas, que conta a história  do Bom Samaritano, demonstrando o cuidado e amor com o próximo.
 

Esse comportamento e espírito de humanidade de ‘bom samaritano dos nossos tempos’ representa o que foi a Santa Dulce dos Pobres, que simboliza a campanha deste ano, sendo retratada a sua imagem nas principais ilustrações publicitárias divulgadas, além do cenário do bairro Pelourinho, localizado em Salvador (BA), onde ela nasceu.

Dom Edson ressaltou ainda a importância do carinho e cuidado com a família, com as pessoas nas comunidades, com os amigos e rezar até mesmo para aqueles que, porventura, não tenhamos muita simpatia, sempre com intuito de ajudar o próximo, à luz da Palavra de Deus, conscientizando sobre o sentido da vida, um dom ‘presente de Nosso Senhor Jesus Cristo’.

Em seu texto-base, a Campanha da Fraternidade 2020 traz as Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE 2019-2023) para promover as relações de mútuo cuidado. Um exemplo é o termo “comunidade-casa”, que diz respeito sobre: “…lugar de afeto, de ternura e do abraço, do encontro fraterno em torno da Palavra e da Eucaristia que geram vida” ou indica que “a comunidade gera vida pela proclamação da Palavra e pela vivência da fraternidade”. O texto convida ainda à construção de comunidades enfrentadoras de “todo tipo de exclusão”, promovendo a inclusão e ações de solidariedade.

A Campanha da Fraternidade é realizada anualmente no período da Quaresma pela CNBB – Conferência Nacional dos Bispos do Brasil. É uma manifestação de evangelização que identifica os problemas da sociedade, promovendo reflexões transformadoras à luz da Palavra de Deus.

Teve início em 1961, com a mobilização de três padres da Cáritas Brasileira para arrecadar fundos para atividades assistenciais, mas foi realizada pela primeira vez na Quaresma de 1962, em Natal, no Rio Grande do Norte. Com o passar dos anos, o projeto foi expandido para muitas dioceses e, em 1964, foi realizado pela primeira vez a nível nacional.

Assessoria de Imprensa da Diocese de Leopoldina, com informações da CNBB.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »