20/03/2020 às 09h11min - Atualizada em 20/03/2020 às 09h11min

Municípios vizinhos de Leopoldina apresentam notificações de casos de suspeita de infecção por coronavírus

Relação divulgada inclui alguns fronteiriços com Leopoldina: Além Paraíba, Bicas, Cataguases, Guarani, Itamarati de Minas, Muriaé, São João Nepomuceno e Ubá.

Edição> Luiz Otávio Meneghite
O Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública, da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais divulgou às 16:00 horas, desta quinta-feira, 19 de março de 2020, o Boletim Informativo Diário, com as notificações de ocorrências de suspeitas de infecção pelo coronavírus em vários municípios de Minas Gerais com casos confirmados e outros descartados após exames laboratoriais.
 
A relação de municípios divulgada inclui alguns que são fronteiriços com Leopoldina entre eles: Além Paraíba, Bicas, Cataguases, Guarani, Itamarati de Minas, Muriaé, São João Nepomuceno e Ubá.
 
Dos municípios mencionados que são vizinhos a Leopoldina, os que tem maior número de casos suspeitos são Muriaé com 9, Cataguases com 7 e Ubá com 2 casos. Todos os demais tem um caso suspeito cada um, todos sem confirmação. Um município da Zona da Mata que apresenta grande número de notificações suspeitas é Juiz de Fora com 35, dos quais  2 foram confirmados, 1 descartado e 32 estão sob análise.

O número de cidades com casos notificados para coronavírus chegou a 202 nesta quinta-feira (19) em Minas. Até essa quarta, eram 96 municípios. Ao todo, em todo o Estado, são 2273 casos notificados. Desses, 2044 estão em investigação, 29 estão confirmados e 96 foram descartados.

Entre as cidades com o maior número de casos suspeitos, estão: Belo Horizonte, com 870 pessoas sob investigação; Contagem, na Grande BH (133 casos); Ipatinga, no Vale do Aço (83); Betim, na mesmo região (58); Divinópolis, no Centro-Oeste (53); e Nova Lima, na Grande BH, com 54 casos. 

A lista completa de municípios com casos suspeitos pode ser vista aqui.

Fonte> Centro de Operações de Emergência em Saúde Pública, da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais
 
 
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »