20/04/2020 às 17h15min - Atualizada em 20/04/2020 às 17h15min

Ações do Movimento Energia do Bem chegam ao Hospital de Leopoldina

As ações do Movimento Energia do Bem, criado pela Energisa para ajudar no combate à pandemia de Covid-19, estão a todo vapor e chegam ao Hospital de Leopoldina. Nesta segunda-feira, 20 de abril, a Casa de Caridade Leopoldinense recebeu 130 máscaras N95 e 50 protetores faciais.

A iniciativa de doar máscaras a unidades de saúde vai ao encontro da necessidade das instituições por esses equipamentos. Ao todo, o Grupo Energisa está doando 6.740 máscaras N95 a hospitais que são referência no tratamento da Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. As unidades beneficiadas ficam nos 11 estados onde a empresa atua na distribuição de energia e que estão no foco do Movimento Energia do Bem.

A Energisa Minas Gerais destinou ao todo 650 máscaras para cinco instituições de saúde na sua área de concessão: Hospital de Cataguases, Hospital São Paulo de Muriaé, Hospital São Vicente de Paula de Ubá, Casa de Caridade Leopoldinense e Hospital César Leite de Manhuaçu.

Já os protetores faciais fazem parte de uma iniciativa com o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (CEFET-MG), que visa à produção desses equipamentos para doação a unidades de saúde da nossa área de concessão, além das 50 primeiras que ficaram prontas e foram entregues hoje à Casa de Caridade Leopoldinense.
Os protetores faciais estão sendo fabricados com insumos doados pela Energisa em impressoras 3Ds que compõem os laboratórios onde são desenvolvidos pela empresa e o CEFET dois relevantes projetos de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) para o setor elétrico. Toda a execução do trabalho está sendo coordenada de forma voluntária pelos professores da instituição.

“Agradeço a toda a Energisa por essa doação. Recebemos materiais que serão muito úteis e necessários para o tratamento não só dos pacientes acometidos do Covid-19, mas também uma proteção para os nossos profissionais e familiares”, disse Wolney Aguilar Silva, administrador da Casa de Caridade Leopoldinense.


Vera Maria do Vale Pires, provedora da instituição, comentou que está imensamente feliz com essa doação da Energisa junto ao CEFET. “Neste momento, a solidariedade da iniciativa privada faz muita diferença e mostra que a Energisa se preocupa com a gente. Ficamos muito satisfeitos com esse apoio da Energisa”.

“Conscientes de que as áreas de saúde têm muito mais necessidade desse tipo de equipamento de proteção, acreditamos que estamos no caminho certo. Para a Energisa, a saúde das pessoas vem em primeiro lugar. Por isso, estamos empenhados com uma série de ações de combate ao Coronavírus, buscando reduzir o impacto dessa crise”, comenta o Diretor-Presidente da Energisa Minas Gerais, Eduardo Mantovani.
 
Movimento Energisa do Bem

O Grupo Energisa criou o Energia do Bem para viabilizar ações emergenciais que ajudem a superar a crise humanitária provocada pela doença. Trata-se de uma rede de atuação orgânica, que já reúne 13 parceiros, envolvidos em iniciativas que incluem obras elétricas em unidades públicas de saúde e captação de recursos para assistência a idosos. Também foi criado o portal Energia do Bem, com informações confiáveis sobre a doença e conteúdo para reduzir os impactos do isolamento social.

O Grupo Energisa investirá R$ 5 milhões no movimento em todos os estados onde atua. Os recursos serão aplicados em diversas frentes mapeadas junto ao poder público local. Em Minas Gerais e Nova Friburgo, também estão previstas a doação de máscaras faciais para profissionais da área de saúde e divulgação de dicas de saúde e prevenção do contágio nos municípios com menores Índices de Desenvolvimento Humano (IDH) da nossa área de concessão.
 
Sobre a Energisa

Com 115 anos de história, o Grupo Energisa é o 5º maior em distribuição de energia elétrica. Uma das primeiras empresas a abrir capital no Brasil, a companhia controla 11 distribuidoras em Minas Gerais, Paraíba, Rio de Janeiro, Sergipe, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, São Paulo, Paraná, Rondônia e Acre. O Grupo atende a 7,8 milhões de clientes (o que representa uma população atendida de quase 20 milhões de pessoas) em 862 municípios de todas as regiões do Brasil, além de gerar aproximadamente 19 mil empregos diretos e indiretos.
 
Com a missão de transformar energia em conforto, desenvolvimento e oportunidades de forma sustentável, responsável e ética, a Energisa atua com um portfólio diversificado que engloba distribuição, geração, transmissão, serviços para o setor elétrico (Energisa Soluções), serviços especializados de Call Center (Multi Energisa), comercialização de energia (Energisa Comercializadora) e soluções em energias renováveis (Alsol).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »