09/06/2020 às 10h14min - Atualizada em 09/06/2020 às 10h14min

Estudo com participação da UFMG identifica potenciais drogas contra a Covid-19

Análise computacional identificou 12 substâncias que podem restringir a velocidade de replicação do coronavírus no organismo

Cedecom
Os resultados de uma análise que encontrou 12 drogas naturais com potencial para combater a Covid-19 estão reunidos no artigo Computacional Screening for Potential Drug Candidates Agains SARS-CoV-2 Main Protease, publicado na última quinta-feira, 4 de junho, na revista F1000Research, com participação de professores da UFMG.

As substâncias foram identificadas em estudo computacional que rastreou cerca de quatro mil substâncias. A análise simula o encaixe dos elementos em proteínas do coronavírus, o que sinaliza sua capacidade de restringir a velocidade de sua replicação no organismo. 

O grupo de pesquisadores, que reúne virologistas, geneticistas, microbiologistas, químicos e bioinformatas de diversas instituições, planeja agora iniciar a realização de testes in vitro e buscar parcerias com empresas e universidades com grande poder de análise de banco de dados para tornar a identificação de substâncias naturais mais precisa. 

O professor Vasco Azevedo, do Departamento de Genética, Ecologia e Evolução do ICB, falou à TV UFMG sobre o potencial da pesquisa em encontrar alternativas para diminuir os danos à saúde causados pela pandemia. Assista aqui.
 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »