23/07/2020 às 09h25min - Atualizada em 23/07/2020 às 09h25min

Portaria oficializa participação de religiosos de Leopoldina no Comitê Gestor de Crises

Na pauta ideias e propostas para a reabertura gradual dos templos religiosos, além de uma maior flexibilização para a realização das lives.

Edição> Luiz Otávio Meneghite
Dr José Roberto assinando o ato oficial
Um ato oficial assinado pelo prefeito José Roberto de Oliveira, publicado na edição desta quinta-feira, 23 de julho de 2020, do Diário Oficial dos Municípios Mineiros, consolidou a entrada de representantes religiosos como membros do Comitê Consultivo de Gestão Crise em decorrência da Pandemia do COVID–19 do Município de Leopoldina.

A Portaria nº 144, de 20 de julho de 2020 nomeou novos membros, que irão compor com os anteriormente nomeados pela Portaria nº134/2020. São eles: Representante da Igreja Evangélica-Eider Murilo Morais de Menezes; Representante da Igreja Católica– Pe. Marcelo Sergio de Barros; Representante dos Centros Espíritas de Leopoldina-Vera Maria do Valle Pires e Representante do Centro Umbandista de Leopoldina- Ádalo Marcio Domiciano da Silva. A nova Portaria entrou em vigor nesta data, permanecendo inalterada o teor da Portaria nº 134, de 06 de julho de 2020.

Eles irão se juntar aos demais membros anteriormente nomeados pelo prefeito José Roberto de Oliveira que são: Representante da Procuradoria Geral do Município de Leopoldina-Viviani Cesar Correa; Representante da Secretaria de Governo do Município de Leopoldina-João Paulo do Vale Fófano; Representante da Secretaria de Administração do Município de Leopoldina-Soraya Fajardo Cury Gogliath; Representante da Secretaria de Saúde do Município de Leopoldina-Lúcia Helena Fernandes da Gama; Representante da Secretaria de Assistência Social do Município de Leopoldina-Maria do Carmo Brandão Vargas Vilas; Representante da Secretaria de Fazenda do Município de Leopoldina-Jose Marcio Fajardo Campos; Representante do Gabinete do Prefeito do Município de Leopoldina-Luiz Augusto Cabral; Representante do Comitê de enfrentamento ao COVID 19-Vinicius Franzoni Barbosa Ferreira; Representante do Órgão OAB/Leopoldina-Dr. Rafael Vargas Ponte; Representante do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais - Pelotão Leopoldina-Guilherme Cantelle Lopes Paiva; Representante da Casa de Caridade Leopoldinense-Wolney Aguilar Silva –Administrador da Casa de Caridade Leopoldinense; Representante da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais-Dra. Maria Filomena Silva Antunes; Representante da Secretaria Estadual de Saúde-Renan Guimarães de Oliveira; Representante da Ministério Público de Minas Gerais-Dr. José Mauro Pereira Lima; Representante do CMDU - Conselho Municipal de Desenvolvimento Urbano- Andrei Felipe Monteiro de Castro; Representante da Polícia Militar de Minas Gerais -Tenente Márcio Braga Araújo; Representante da Polícia Civil de Minas Gerais- Delegado Mauro Ricardo Guimarães Pinho; Representante do Conselho Municipal de Saúde- Guilherme Peres Pereira; Representante do Conselho Municipal de Educação-Lindolfo Oliveira de Araújo Júnior; Representante da Associação Comercial de Leopoldina – ACIL-Pedro Augusto Machado Monteiro e Representante da Câmara Municipal de Leopoldina-Camila Andrade de Oliveira


Reunião aconteceu nesta terça-feira 21 de julho


Para refrescar a memória

No dia 21 de julho de 2020 o prefeito de Leopoldina, Dr. José Roberto de Oliveira, se reuniu com alguns representantes religiosos. Na ocasião foram discutidas ideias e apresentadas propostas para a reabertura gradual dos templos religiosos, além de uma maior flexibilização para a realização das lives. Todas as propostas vão ser analisadas na próxima reunião do Comitê Gestor de Crises, na qual farão parte todos os representantes religiosos que participaram da reunião. "Esse encontro de hoje só serve para reafirmar nosso compromisso com a Democracia. Estamos ouvindo todos os setores da sociedade para que, juntos, possamos superar essa crise", concluiu o prefeito José Roberto de Oliveira, na oportunidade.
 
Fontes: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Leopoldina e Diário Oficial dos Municípios Mineiros.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »