03/09/2020 às 10h40min - Atualizada em 04/09/2020 às 09h20min

Fundação Cristiano Varella comemora 25 anos nesta sexta-feira, 4 de setembro

A instituição preparou uma programação completa, até setembro de 2021, para celebrar o seu aniversário

Foto panorâmica da Fundação Cristiano Varella
Christiano Borges (*)
 
Existem pessoas que trabalham para realizar os próprios sonhos, que cuidam da própria vida. Mas, também, existem pessoas que lutam para garantir que os sonhos dos outros se realizem, que se dedicam diariamente a cuidar da vida do outro e que permanecem lado a lado – sem jamais desistir da vida.  
 
Pessoas assim é que criaram e seguem sendo a alma da Fundação Cristiano Varella (FCV), que completa 25 anos nesta sexta-feira dia 4 de setembro. Uma trajetória de luta de mais de mil e cem colaboradores para garantir, aos pacientes, o direito à vida, com qualidade e plenitude. 
 
A FCV é um complexo na área de saúde, que mantém o Hospital do Câncer de Muriaé. É, também, um complexo na área da Educação, Pesquisa e Cultura, com um Memorial, um Centro de Pesquisa Médica e uma estrutura própria de rádio e TV. 
 
Da dor nasceu o sonho de cuidar e acolher  
 
Em 1994, o sentimento era a dor. Em 1995, a dor se transformou em amor e resistência – em vida. Após a perda do filho mais novo, Cristiano Varella, então com 22 anos, em um grave acidente de carro, Lael Varella – ex-deputado federal por Minas Gerais por oito mandatos e, atualmente, 2o Suplente de Senador pelo Estado – deu início à história da Fundação. 
 
Após 25 anos de atuação, o hospital é considerado atualmente o maior complexo oncológico de Minas Gerais e segue em constante crescimento físico, tecnológico e humano. Para Luciano Varella, presidente do Conselho Fiscal da Fundação, “o reconhecimento à atuação da Fundação Cristiano Varella e do Hospital do Câncer de Muriaé, que temos hoje, é o resultado de uma longa trajetória de muito trabalho e empenho no cuidado com a vida de nossos pacientes”.  
 
Com 175 leitos ativos (capacidade para 210), 8 salas de cirurgia, 20 leitos de terapia intensiva e mais de mil e cem colaboradores, o Hospital do Câncer de Muriaé recebe, em média, 300 novos casos por mês e oferece assistência integrada em Oncologia a mais de 168 municípios de Minas Gerais e de outros estados – com uma abrangência populacional de mais de 2 milhões de habitantes. Cerca de 90% dos seus atendimentos são gratuitos, destinados ao Sistema Único de Saúde – SUS.  
 
Programação de aniversário vai até 2021 
 
Para comemorar as suas mais duas décadas de atuação, a FCV preparou um calendário repleto de ações internas e externas, que serão desenvolvidas entre setembro de 2020 e setembro de 2021. 
 
Para começar, está reestruturando o seu portal de doações, o Donera (www.doação.fcv.org.br) com o objetivo de deixar o processo mais fácil e intuitivo. A FCV também dará início a uma completa reformulação da grade de programação de sua rede de televisão, o Canal FCV, e da Rádio Atividade.  
 
Já em setembro entrará na programação o FCV com VC, programa que reunirá depoimentos de pessoas que fizeram a história da Fundação, sejam elas pacientes, colaboradores, profissionais que atuaram na construção do hospital, entre muitos outros. Ao final dos próximos doze meses, o material fará parte de um documentário sobre a história da instituição. 
 
Nos dias 15, 16 e 17 de setembro, também integrando a programação dos 25 anos, será realizado o I Congresso de Saúde Pública da Fundação Cristiano Varella. O objetivo do evento, gratuito e 100% online, é discutir os desafios em saúde coletiva e suas respectivas soluções. As inscrições podem ser feitas pelo http://cec.fcv.org.br/curso-detalhes/173-i-congresso-de-saude-publica-da-fundacao-cristiano-varella.  
 
Além disso, diversas outras atividades e projetos serão realizados ao longo dos próximos 12 meses. As informações serão disponibilizadas, em tempo, a todos os públicos de interesse. 
 
Tecnologia à serviço da cura  
 
Em visita recente à instituição, o vice-governador de Minas, Paulo Brant, se impressionou com o trabalho desenvolvido. “É uma sensação de muito orgulho termos um hospital com esse nível e essa qualificação, na fronteira da tecnologia e da Oncologia, atendendo à toda a população aqui da região”, afirmou. “Atender a qualquer cidadão, independentemente da sua renda, com o melhor que tem a Ciência. Esse é o sonho de todos nós e esse hospital mostra que isso é possível”, completou. 
 
No Hospital do Câncer de Muriaé são oferecidos todos os tratamentos oncológicos específicos, como quimioterapia, radioterapia, braquiterapia e atendimentos pela equipe interdisciplinar, incluindo serviços odontológicos, o que aumenta ainda mais a quantidade de pacientes atendidos. São realizados, em média, 200 atendimentos de radioterapia e 350 de quimioterapia (ambulatorial / internação) no hospital. 
 
Durante os tratamentos ambulatoriais, aos pacientes que residem em municípios mais distantes, é oferecida hospedagem na Casa de Apoio, mantida pelo Hospital do Câncer de Muriaé. Além da hospedagem, é garantido a eles o transporte entre a Casa de Apoio e os ambulatórios da instituição, alimentação e todos os cuidados necessários. Hoje, a Casa de apoio tem a capacidade de hospedar gratuitamente 212 hóspedes (pacientes e acompanhantes), com uma área de lazer completa, 5 refeições diárias gratuitas, lavanderia e acompanhamento.  
 
(*) Assessor de Comunicação, Imprensa e Marketing
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »