08/09/2014 às 19h04min - Atualizada em 08/09/2014 às 19h04min

Festival Internacional deixa legado para cidade mineira

Com o fim do Festival Internacional de Escultura em Pedra, no último domingo (7/9), a cidade de Coronel Xavier Chaves se consolida como uma galeria a céu aberto. Foram esculpidas 16 estátuas, que estão expostas desde o trevo da cidade, no km 87 da MGT-383, até a praça principal do município. Nessa terceira edição, seis estações da Via Crucis foram criadas por artistas do Brasil, Canadá, Portugal, Equador e Itália.

Durante um mês, a população e os visitantes acompanharam a evolução das obras.  Segundo Paulo Jorge Tuna, artista português que representou em pedra a 15º estação, isso foi o que mais o marcou. “As pessoas estavam ávidas para saber o que aconteceria no dia seguinte. Elas se envolveram com o trabalho”, diz o artista.

Os organizadores já pensam na quarta edição do festival, que será realizada em 2016 e deverá completar todas as estações da Via Crucis, mantendo o objetivo do evento: voltar os olhos dos mineiros para a pequena Coronel Xavier Chaves, que não viveu a febre do ouro das cidades barrocas, mas deixa um legado para as futuras gerações de artistas e apreciadores da arte feita em pedra.

Veja aqui as obras finalizadas no 3º Festival Internacional de Escultura em Pedra: https://drive.google.com/folderview?id=0B0-FHkJJnXvbV0RVaHZobktBTmc&usp=sharing.

Atenciosamente,

Andrea Araujo  -   Assessoria de Imprensa

Partnersnet Comunicação Empresarial Ltda

+55  31 3029-6874   |   7349-8705

Visit us at  www.partnersnet.com.br


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »