05/03/2021 às 09h04min - Atualizada em 05/03/2021 às 09h04min

Poda de árvores tem que começar em maio e terminar em agosto, recomendam biólogos

Falta de planejamento dos setores competentes tem deixado poda incompleta por anos seguidos.

Luiz Otávio Meneghite
Em alguns locais como a Cohab Velha a poda não é realizada há mais de três anos. (Foto: Luciano Baía Meneghite - 04/03/2021)
A poda dos oitizeiros e demais árvores urbanas de Leopoldina  tem sido feita, ao que parece, por quem não deve conhecer muito do assunto, pois além da poda radical que tem mutilado um dos mais belos cartões postais da cidade, nos últimos anos o serviço tem começado com atraso e, por isso tem  ultrapassado o período recomendável para a poda, que vai de maio a agosto, época de dormência das árvores, e tem avançado pelo mês de setembro bem atrasada, invadindo a primavera e prejudicando a reprodução dos pássaros.

O Jornal Leopoldinense Online já registrou em diversas matérias a questão, lembrando que com o surgimento de novos bairros, conseqüentemente aumentou o número de árvores. Por isso, é recomendável que os prazos sejam respeitados e as Secretarias do Meio Ambiente e de Serviços Urbanos, às quais compete zelar pela poda, já comecem a se movimentar no sentido de fazer a poda.

Os gestores dessas mesmas secretarias, titulares ou interinos, tem que ter humildade para acatar as críticas da população pela forma como a poda passou a ser feita nos últimos anos, ora muito radical, ora na época de choca dos muitos pássaros urbanos que se aninham nessas árvores. Tal atitude, como observou Luciano Baía Meneghite em artigo, cria um problema ambiental bem maior do que pode se supor, pois os pássaros atingidos pela poda fora de época, fazem o controle do número de insetos.   

Inúmeras vezes o jornal LEOPOLDINENSE registrou o problema com a poda iniciada com atraso, pois quando chegar a primavera, ela não é recomendável por biólogos, pois já acabou  o período de dormência das árvores e é época de floração e da reprodução dos pássaros.

A população questiona por e-mail’s enviados á redação ou por telefonemas, por que não treinar funcionários da própria prefeitura para poda como era feito no passado. Enquanto não é dada a resposta, alguns moradores por conta própria vêem podando algumas árvores; nem sempre de forma adequada. Na maioria das ruas, no entanto, os oitis crescem desordenadamente se enroscando nos fios de alta tensão, escondendo luminárias, a sinalização de trânsito e atrapalhando a circulação de ônibus e caminhões.  A quem cabe reclamar?


Algumas árvores apresentam fungos e ervas de passarinho (Foto: Arquivo)


Quando deve começar a poda das árvores urbanas?

A poda deve ser realizada por pessoas especializadas e a melhor época para fazer a poda, é em períodos mais secos, de maio a agosto.  A poda feita no período chuvoso pode contribuir para que a árvore, com a exposição do corte, possa ser contaminada com fungos e bactérias resultando no seu apodrecimento. O cupim aproveita os galhos previamente apodrecidos pelos fungos para se alojar nas árvores.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »