18/09/2014 às 09h18min - Atualizada em 18/09/2014 às 09h18min

Tarcísio quer maior participação da Economia Solidária

Fernando Dutra
Hoje em Dia
DIÁLOGO – Tarcísio afirma que governador “tem que sair do palácio". ( Ricardos Bastos/Hoje em Dia )

O candidato do PSB ao governo do Estado, Tarcísio Delgado, esteve reunido na tarde dessa quarta-feira (17) com representantes do Movimento da Economia Solidária na sede de campanha do partido, em Belo horizonte. No encontro, Tarcísio ouviu reivindicações da categoria e defendeu a participação da economia solidária na administração pública. “Economia solidária é fundamental. O agronegócio é bom, mas a imensa maioria é de pequenos produtores”, disse.

O candidato citou como exemplo de medidas que podem ser adotadas, a divisão do Estado em microrregiões de pequenos agricultores, além da implantação de empórios rurais nas cidades e do Mercado Municipal dos Pequenos Produtores, ações que, segundo Tarcísio, foram implantadas com sucesso em Juiz de fora, na época em que foi prefeito da cidade.

O ex-prefeito de Juiz de fora reiterou que para o sucesso da economia solidária é preciso que o governador esteja mais próximo à população. “Ele tem que sair do palácio, tem que descer pro nível da rua e dos campos, conversar com as pessoas, dialogar”, afirmou.

Pesquisa

O resultado das últimas pesquisas eleitorais, que apontam a estagnação da candidatura em 3% das intenções de voto o candidato foi taxativo. “Não gosto de contestar pesquisa, mas é claro que eu não estou só com 3%. Não estou com 10% mas certamente estou com uns 6%, 7%”, disse o candidato tendo como base pesquisas qualitativas internas do partido.

“Não tem jeito, é impossível eu hoje ter o mesmo percentual que tinha a trinta dias atrás, quando lancei a candidatura”, completou.

Segundo Tarcísio, a maior dificuldade de sua campanha foi tornar-se conhecido dos eleitores, mesmo entre aqueles que já o conhecem. “Na minha cidade (Juiz de Fora) o pessoal nem lembrava do meu nome. Hoje um número muito maior sabe. Se acontece em Juiz de Fora, onde sou bastante conhecido, imagine no restante do Estado?”, Indagou.

Outro dado apontado pelo candidato como demonstração de que sua candidatura está acima dos índices apontados na pesquisa é o fato de que, segundo pesquisa interna do partido, apenas 11% dos eleitores sabem que ele é o candidato de Marina Silva em Minas Gerais e 31% do eleitorado se diz disposto a votar em qualquer candidato apoiado pela ex-ministra do Meio Ambiente.

Nesta quinta-feira (18), o candidato tem a manhã e a tarde reservadas para a gravação de programa eleitoral.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »