10/06/2021 às 19h04min - Atualizada em 10/06/2021 às 19h04min

Bernardo Guedes e Queijinho se reúnem com Secretário de Estado de Saúde de Minas

Objetivo do encontro foi busca de soluções para conclusão da UBS Nova Leopoldina que está parada há muito tempo e é de iniciativa do Estado.

Gabriel Fajardo (*)
Os dois Vereadores mostraram farta documentação ao Secretário
Os vereadores de Leopoldina Bernardo Guedes e Vinícius Queijinho estiverem na tarde de ontem, 9 de junho, na capital Belo Horizonte em busca de melhorias na área da saúde para a população.

Recebidos na Cidade Administrativa do Estado de Minas Gerais pelo deputado estadual Alencar da Silveira e o secretário de estado de saúde Fábio Baccheretti. A conversa teve como principal objetivo buscar soluções para a conclusão das obras da UBS Nova Leopoldina que está parada há muito tempo e é de iniciativa do Estado.

De acordo com o convênio celebrado em dezembro de 2013, o valor total da obra seria de R$ 955.404,77, sendo pago até então o valor de R$ 286.621,43. O referido convênio teve vigência até dezembro de 2019 sem a conclusão da obra, que tem percentual de execução de apenas 43,10% de acordo com o relatório de monitoramento de outubro de 2019.




Os dois Vereadores mostraram farta documentação ao Secretário


“Acreditem se quiser, apuramos que a obra foi paralisada pela discordância entre a empreiteira, a Prefeitura e o Estado sobre a inclinação de uma rampa na entrada. Seu abandono implica em perda do dinheiro público que já foi investido naquele local, além da depreciação natural que irá ocorrer com o tempo”, disse Bernardo Guedes.

O Vereador Queijinho abordou com o secretário de saúde sobre o deslocamento desnecessário da grande população do bairro e das adjacências para outros postos de saúde ainda durante a madrugada e muitas das vezes sem sucesso, já que as senhas são limitadas. Sendo assim, eles gastam tempo, dinheiro com condução e voltam para casa frustrados sem o atendimento médico necessário para aquele momento.

"A população mais carente de Leopoldina sofre não é de hoje com a questão da saúde. Os nossos postos de saúde estão sobrecarregados e precisam de reforço. É um compromisso nosso lutar pela saúde dos mais vulneráveis e é isso que fomos buscar em Belo Horizonte", declarou Queijinho.

Os vereadores consideram que o secretário Fábio Baccheretti se mostrou muito solícito ao pleito apresentado, compreendeu a grande importância de finalizar a obra e apontou que a parte estrutural da obra está realizada e que agora o próximo passo seria solicitar que a equipe de técnicos da regional de saúde de Leopoldina realize uma avaliação.

“O nosso trabalho por Leopoldina não pode parar e um grande passo foi dado. Finalizamos nosso compromisso bem animados e confiantes de que nosso esforço em resolver o problema dará frutos e em breve os bairros José Nelson (Cidade Alta) e Nova Leopoldina finalmente terão sua UBS funcionando”, finalizou Bernardo Guedes.



(*) Assessoria Parlamentar e de Imprensa

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »