13/12/2021 às 22h28min - Atualizada em 13/12/2021 às 22h28min

Segunda Edição do Programa Acesso Superior da Doctum atenderá novos 350 alunos

Os candidatos podem concorrer as bolsas integrais, que são intransferíveis e com validade durante todo o curso, incluindo matrículas e rematrículas.

Enviado por Cândido Tadeu Ribeiro
A Doctum em Leopoldina fica na avenida Getulio Vargas nº 635(Foto-Luciano Baía Meneghite)
Na data em que é celebrado o Dia Nacional da Assistência Social e o Dia do Plano Nacional de Educação, foi anunciado para a comunidade acadêmica da Rede de Ensino Doctum o lançamento da segunda edição do Acesso Superior, programa social que tem o objetivo de democratizar o acesso ao Ensino Superior, através da concessão de 350 bolsas sociais e integrais aos estudantes da região atendida por suas Unidades próprias.

O público-alvo do programa são candidatos ingressantes no primeiro semestre de 2022, que atendam aos requisitos socioeconômicos estabelecidos no edital e estejam com a inscrição ativa no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) do Governo Federal e o NIS atualizado.

Por meio de uma prova online, com 50 questões objetivas nas áreas de Português, Matemática, História, Geografia, Biologia, Física e Química os candidatos podem concorrer as bolsas integrais, que são intransferíveis e com validade durante todo o curso, incluindo matrículas e rematrículas.

As inscrições devem ser realizadas entre os dias 8 de dezembro e 21 de janeiro de 2022, através do site: https://acessosuperior.doctum.edu.br/ e a prova online acontece no dia 23 de janeiro, domingo, de 14h às 17h, através da plataforma do vestibular online da Doctum. O resultado dos contemplados e deferimento da matrícula será publicado no dia 04 de fevereiro.

A transformação de vidas através da educação é a missão que norteia todos os pilares institucionais, e a Doctum trabalha e desenvolve projetos como o Acesso Superior que, de fato, mudam a vida dos alunos oferecendo oportunidades. “A instituição sempre abriu as portas para aqueles que realmente precisam, e o que tem acontecido nos últimos anos é uma profissionalização desse objetivo(...) A nossa Instituição carrega no seu DNA a política de inclusão para pessoas que não tem condição de pagar uma faculdade, e através de editais e projetos nós podemos continuar concedendo bolsas de maneira cada vez mais transparente, e que atendam realmente a quem precisa,” explica o Presidente Executivo da Rede de Ensino Doctum, Prof. Pedro Leitão.

Será permitida apenas uma inscrição por candidato no processo seletivo do Programa Acesso Superior, e é importante lembrar que os documentos comprobatórios como o NIS precisam estar atualizados, respeitando o prazo de validade de dois anos.

Sobre o CadÚnico a Assistente Social Andreísa Carvalho da Silva, que é uma das colaboradoras à frente do programa de concessão de bolsas integrais comenta: “As famílias que possuem cadastro no CadÚnico, mesmo inseridas nos projetos sociais do governo, em sua maioria, não tem condições de arcar com as despesas de uma graduação para seus filhos, e através do Acesso Superior este sonho é realizado. Fazer parte deste projeto traz não somente uma realização enquanto profissional, mas também a certeza de que estamos de fato proporcionando mudança de vida dos alunos e na sociedade”, encerra Andreísa.

Como se cadastrar no CadÚnico? Para se cadastrar no CadÚnico, o responsável pela família precisa comparecer a um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) da cidade onde mora, com seu CPF ou título de eleitor em mãos. Além disso, deve apresentar pelo menos um documento com foto de todas as pessoas da família, além de comprovante de residência. Para verificar se você já está cadastrado e com os dados atualizados acesse o aplicativo Meu CadÚnico - Consulta Cidadão

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »