30/12/2021 às 10h19min - Atualizada em 30/12/2021 às 10h19min

Fogos de artifícios próximos à rede elétrica podem causar acidentes graves e falta de energia

Tradicionais nas celebrações de réveillon, artefatos requerem cuidados que devem ser tomados desde o momento da compra até o manuseio;

Comunicação Social Energisa
Energisa dá dicas para que comemorações com produtos sonoros e luminosos sejam realizadas com segurança.(Foto: Luciano Baía Meneghite/Arquivo)

Faltam poucos dias para o novo ano e já tem gente adiantada com os preparativos da festa da virada. Além da tradicional mesa farta, familiares e amigos reunidos, há quem não abra mão de recepcionar o réveillon com fogos de artifícios. Ainda que a intenção seja simplesmente comemorar com os luminosos coloridos, o uso inadequado desses artefatos é um risco para a segurança de pessoas e animais, podendo acabar com a alegria da festa de novo ano.

E não para por aí: conforme alerta a Energisa, a explosão de fogos de artifício próximo à rede elétrica aumenta a probabilidade de acidentes ocasionados por curtos-circuitos, rompimento dos cabos e até incêndios, que comprometem o fornecimento de energia elétrica para milhares de pessoas, inclusive para serviços essenciais.

Luciano Lima, gerente de Serviços Comerciais da Energisa em Minas Gerais, explica que, apesar de haver legislação que restringe a queima de fogos em algumas localidades, muitas pessoas apreciam os efeitos sonoros e visuais dos artefatos muito usados em dias festivos.

“Assim como os fogos de artifícios, os sinalizadores, bombas e outros tipos de luminosos e pirotécnicos não devem ser acesos, em hipótese alguma, perto da rede elétrica. O calor emitido por esses artefatos pode dilatar e superaquecer fios e cabos da rede, interferindo no funcionamento do sistema elétrico. O correto é procurar uma área livre, distante da fiação, de árvores e pessoas que podem ser atingidas acidentalmente”, detalha.

Além disso, Lima ressalta a periculosidade desses artigos que não devem ser manuseados por crianças, tampouco em locais inapropriados. “Para a sua segurança, adquira os itens em lojas especializadas e verifique se possuem a certificação do Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro), que garante a confiabilidade do produto”, reforça.

Se na sua cidade é permitido e você é adepto ao uso de fogos de artifícios, fique atento às dicas que a Energisa preparou para que sua celebração seja feita com segurança: 

 

  • jamais solte fogos de artifícios próximo a postes, fios e outros equipamentos de rede elétrica;
  • antes de comprar, tenha a certeza de que o produto tem procedência e selo do Inmetro;
  • seja cauteloso: procure uma área livre (longe de hospitais, residências, comércios, indústrias e depósitos) e siga todas as instruções de segurança listadas na embalagem;
  • não guarde os explosivos no bolso, nem dentro de casa;
  • não acenda fogos, bombas e sinalizadores perto da própria face, de pessoas ou animais;
  • caso o artefato falhe, não tente acendê-lo novamente;
  • por fim, nenhum dos produtos acima citados deve ser manuseado por menores de 18 anos.

  •  

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »