10/03/2022 às 17h32min - Atualizada em 10/03/2022 às 17h32min

Câmara promoveu palestras em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

A professora Natália Montes e a delegada Dra Gisela Borges marcaram o início das atividades da Escola do Legislativo e da Procuradoria Especial da Mulher.

A professora Natália Montes e a delegada Dra Gisela Borges de Matos
Em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, a Câmara Municipal de Leopoldina promoveu na terça-feira, dia 8 de março de 2022, duas importantes palestras com temas relacionados à mulher. O evento também representou o lançamento das atividades da Escola do Legislativo e da Procuradoria Especial da Mulher, recentemente regulamentadas pela Mesa Diretora.

No formato híbrido, as palestras receberam um bom público presencial e também foram acompanhadas online através da transmissão ao vivo feita através do facebook da Câmara, o que possibilitou uma enorme interação entre o público e as palestrantes. O evento foi prestigiado pelos vereadores José do Carmo Fófano, Gilmar Pimentel, Maria Inês Xavier de Oliveira, Elileia Santos Corrêa, Edvaldo Franquido Donato do Vale, Vinícius Queijinho, Bernardo Guedes, Rodrigo Pimentel, Alexandre Badaró, Julius Cezar e Ivan Nogueira. O Presidente da Câmara, vereador José Augusto Cabral justificou ausência por estar representando o Legislativo no Congresso Mineiro de Vereadores, promovido pela Associação Mineira de Municípios. Os parlamentares Carlos André e Rogério Campos Machado não compareceram em virtude de viagem a Brasília. Valdilúcio Malaquias justificou ausência devido a compromissos já assumidos anteriormente.  

Também estiveram presentes o Prefeito Pedro Augusto Junqueira, sua esposa Sra. Márcia Junqueira, o Delegado Regional de Polícia Civil, Dr. Mauro Ricardo Guimarães Pinho, professores e alunos das Escolas Estaduais Sebastião Silva Coutinho, Emílio Ramos Pinto e Botelho Reis (Ginásio).   

Na abertura do evento, representando a presidência do Legislativo, José do Carmo Fófano fez uma referência à figura feminina, reconhecendo as importantes conquistas efetivadas pelas mulheres. Ele destacou o início dos trabalhos da Procuradoria Especial da Mulher e da Escola do Legislativo, salientando que esse evento estava inaugurando uma agenda legislativa positiva, com ações que visam oferecer à população uma melhor prestação de serviços para a garantia de seus direitos. 

Em seguida, Rodrigo Junqueira Reis Pimentel lembrou que a Escola do Legislativo foi criada em 2008, mas somente agora foi regulamentada, através da Resolução nº 315/2021. Ele afirmou que são várias as propostas e objetivos da Escola do Legislativo, sendo o mais importante integrar a sociedade, com transmissão de conhecimento e de aprendizado. Ele considerou importante a interação entre a Casa do Povo e a população e disse que se sentia honrado por ter sido nomeado Diretor da Escola do Legislativo.

A vereadora Maria Inês Xavier de Oliveira, Procuradora Especial da Mulher, apresentou o Programa Educação Cidadã que visa oferecer a toda população novas possibilidades de conhecimento e de cidadania, como forma de se conectar com a sociedade nesses novos tempos, tornando o Legislativo um pólo catalisador e irradiador de cultura, de aprendizado e de novas ideias. Ela ressaltou que será desenvolvido um trabalho em conjunto entre a Escola do Legislativo, a Procuradoria Especial da Mulher, Centro de Atenção ao Cidadão, instituições de ensino, empresários, sindicatos, entidades da sociedade civil, forças de segurança e representantes dos diversos setores do município.

A primeira palestra da noite foi proferida pela Professora Natália Montes da Fonseca que tratou da trajetória do movimento feminista e o contexto atual da representatividade da mulher. Em sua explanação, a professora destacou como a história da mulher começou a mudar e citou personagens que dedicaram suas vidas à causa feminina, entre elas, Jerônima Mesquista e Nizia Floresta, além dos episódios marcantes que consolidaram as conquistas das mulheres. Ao final, foi apresentado um vídeo de uma entrevista concedida por Jerônima Mesquita, uma leopoldinense que se destacou no empoderamento das mulheres. Em seguida, Natália Montes da Fonseca interagiu com o público presente, respondendo alguns questionamentos e ampliando a discussão em torno do tema de sua palestra.

Na segunda palestra, Dra. Gisela Borges Matos, Delegada de Polícia Civil, tratou o tema Violência doméstica: uma visão prática do enfrentamento em nosso município e no Brasil. Em sua explanação, a palestrante destacou alguns pontos históricos sobre o tema e convidou os presentes a pensarem no futuro das mulheres de Leopoldina. Ela falou um pouco sobre a história da violência doméstica, citando a criação da primeira delegacia especializada de mulheres ocorrida em 1985. Dra Gisela incluiu em sua palestra índices da violência doméstica, mesclando dados atuais e antigos, para mostrar que a alta ocorrência de violência contra mulheres não é um fenômeno atual e já acontece há vários anos.  

A Delegada aproveitou para apontar soluções de enfrentamento da violência doméstica, baseando em três eixos básicos: prevenção, assistência e repressão. Ela apresentou o Projeto Revido, que ainda está em processo de construção, que visa implementar políticas públicas de apoio às mulheres vítimas de violência doméstica, de baixa renda e/ou que necessitam de apoio para conquista da independência financeira e emocional.

Ao final, Dra. Gisela Borges Matos dedicou um tempo para responder às perguntas enviadas pelos internautas e pelo público presente. Em seguida, a vereadora Maria Inês Xavier de Oliveira encerrou a solenidade, agradeceu as participações e anunciou que o próximo evento já está em fase de elaboração e ocorrerá no mês de abril.

Fonte: Câmara Municipal de Leopoldina
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »