15/10/2014 às 16h01min - Atualizada em 15/10/2014 às 16h01min

Pimentel anuncia equipe de transição

O anúncio foi feito pelo governador eleito de Minas Gerais, Fernando Pimentel, durante entrevista coletiva.

O advogado Marco Antônio Teixeira será o coordenador da equipe de transição de governo. O anúncio foi feito na tarde de hoje pelo governador eleito de Minas Gerais, Fernando Pimentel, em Belo Horizonte, durante entrevista coletiva. Além de Teixeira, Pimentel apresentou os outros seis integrantes da comissão: Helvécio Magalhães, Marco Aurélio Crocco, Eduardo de Lima Andrade Ferreira, Murilo Valadares, Paulo Moura e Marco Antônio Castelo Branco (ver currículos abaixo).

“Esse grupo vai fazer um diagnóstico profundo do Estado para que possamos implementar nosso programa de governo. Mas asseguro que não haverá nenhuma mudança abrupta. O que estiver funcionando bem , vamos manter. O que tiver de ser corrigido, será corrigido. Não queremos causar tumulto, provocar nenhuma ruptura na administração estadual”, disse o governador eleito.

A instalação da equipe de transição está prevista em lei e permite à equipe do governante eleito o acesso irrestrito a todos os dados do município, do Estado ou da União. Da parte do atual governo, as indicadas para integrar a comissão foram as secretárias Renata Vilhena, de Planejamento e Gestão, e Maria Coeli Simões, da Casa Civil.
 
Pimentel também anunciou a criação de uma comissão política, comandada pelo vice-governador eleito, Antônio Andrade, que será responsável pelo diálogo com a Assembleia Legislativa para a construção de um bloco de apoio ao governo. Integrarão essa comissão os presidentes dos quatro partidos que compuseram a coligação proporcional estadual (PT, PMDB, PROS e PRB), o deputado federal Bernardo Santana (PR) e outros nomes que serão definidos pelo vice-governador.

 

Os integrantes da comissão técnica são: 

 Marco Antônio Rezende - Advogado, é funcionário de carreira da CBTU. Foi diretor jurídico e superintendente da Sudecap no governo Patrus Ananias. Foi procurador-geral de Belo Horizonte.

Helvécio Magalhães - Médico, especialista em Epidemiologia e doutor em Planejamento em Saúde pela Unicamp. É médico concursado da PBH. Foi secretário municipal de Saúde nos governos Célio de Castro e Fernando Pimentel. Foi secretário de Atenção à Saúde do Ministério da Saúde, no governo Dilma Rousseff, de onde saiu para coordenar a campanha de Fernando Pimentel ao governo de Minas Gerais.
 
Marco Aurélio Crocco - Economista, é professor da UFMG. Doutor em economia pela Universidade de Londres, coordenou a elaboração do programa de governo de Fernando Pimentel.
 
Eduardo de Lima Andrade Ferreira - Engenheiro civil. Trabalhou na indústria de construção pesada. É consultor da área de óleo e gás.

 

Murilo Valadares - Engenheiro civil, foi administrador da regional Centro-Sul, na gestão Patrus Ananias. Na administração Célio de Castro, foi diretor de operações da Superintendência de Limpeza Urbana (SLU) e superintendente da Sudecap. Foi secretário municipal de Políticas Urbanas nos governos Fernando Pimentel e Márcio Lacerda. 

Paulo Moura - Economista. Foi secretário municipal de Governo na gestão Fernando Pimentel.
 
Marco Antônio Castelo Branco - Ex-presidente da Vallourec e da Usiminas. É vice-presidente da Fiemg.

 

Fonte: Assessoria de Imprensa do PT-MG


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »