29/10/2014 às 22h59min - Atualizada em 29/10/2014 às 22h59min

Corpo encontrado no rio Pomba é de Odair Antônio, que estava desaparecido desde sábado

Site do Marcelo Lopes
Por volta das 16 horas desta quarta-feira, 29 de outubro, o corpo encontrado às margens do rio Pomba em torno do meio dia, foi identificado como sendo o de Odair Antônio de Oliveira, 46 anos, mais conhecido pelo apelido de Índio e Neném. Segundo informações preliminares, a causa da morte ainda é desconhecida, visto que não há marcas de violência. Porém, o corpo está sendo submetido a uma autópsia e somente após a conclusão deste trabalho é que o médico legista poderá informar o que o levou à morte.
 
Odair Antônio de Oliveira, era casado com Oguináustia das Dores Lima de Oliveira, com quem teve dois filhos. Na manhã da última segunda-feira, 25 de outubro, ela conversou com a reportagem do Site do Marcelo Lopes quando revelou o sumiço de seu marido. Segundo contou, Índio, como também era chamado, saiu de casa no sábado e foi visto, mais tarde, bebendo em um bar no bairro São Vicente. Após deixar o local ele desapareceu e, de acordo com a Polícia, não havia, até o final da manhã desta quarta-feira, nenhuma pista concreta sobre o seu paradeiro. 
 
image

image

Ao meio-dia desta quarta-feira, populares viram um corpo boiando no rio Pomba, próximo ao areão existente no bairro Taquara Preta. As polícias Militar e Civil, além da equipe da Defesa Civil, compareceram ao local e mais tarde, a perícia técnica da Polícia Civil fez seu trabalho de praxe e liberou o corpo para o necrotério municipal. Segundo a reportagem do Site apurou, a causa da morte mais provável de Antônio Odair é afogamento.  Dezenas de pessoas e colegas de trabalho de Índio foram até o areão após tomarem conhecimento de que fora encontrado um corpo no rio Pomba (foto ao lado).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »