12/12/2014 às 08h23min - Atualizada em 12/12/2014 às 08h23min

Curso de alfaiataria masculina é aberto na APA Confecções

A Apa Confecções S/A é a primeira do setor de confecções na região a ter uma estrutura para oferta de cursos dentro da empresa, chamada de Sistema Dual.

Primeira turma do Sistema Dual na Apa Confecções S.A.

A Apa Confecções, em parceria com o Senai, está ofertando o curso de Aprendizagem Industrial em Confeccionador de Alfaiataria Masculina. A primeira turma de vinte alunos começou em agosto deste ano e termina em julho de 2015, com uma carga horária total de 800 horas. O programa de aprendizagem industrial é no sistema Dual, onde os cursos são ministrados dentro da empresa em parceria com a instituição ofertante que é o SENAI de Cataguases.

A empresa investiu em infraestrutura, adequando o espaço e adquirindo maquinários para as aulas práticas do Centro de Formação Profissional, que ganhou o nome de Vicente Apa, em homenagem ao fundador da empresa.

Vicente Apa, fundador da empresa

O curso se constitui de atividades teóricas e práticas voltadas ao desenvolvimento de competências que traduz o perfil do trabalhador capaz de atender as peculiaridades da empresa, que produz os mais elegantes ternos do mundo.

A professora Maria Cecília Bedendo comentou que há uma extensa grade curricular onde as alunas aprendem todo o processo produtivo, com inclusão de aulas práticas, além dos conceitos e modelagens específicas do setor: "Apesar de ser um curso de aprendizagem, a carga horária permite trabalhar conteúdos específicos como gestão integrada, liderança, ética e cidadania, organização da produção e logística, controle de qualidade, entre outros que desenvolve competências necessárias para deixar os estudantes preparados", comentou.

A aluna Débora Theodório de Souza, de 18 anos, que mora na comunidade de São Martinho, comentou que desde criança observava a avó costurar, mas não sabia da complexidade que era o processo de fabricação de uma roupa. A aluna Camila Ariele, de 18 anos, de Leopoldina também compartilhou com a opinião da colega: "Antes eu achava que era simples e reclamava da demora de minha mãe para confeccionar minhas roupas. Com o curso, passei a ter uma outra visão e aprendi que costurar é uma arte", comentou empolgada a aluna que almeja fazer faculdade de Desing de Moda.

O pioneirismo da APA

A Apa Confecções S/A é a primeira do setor de confecções na região a ter uma estrutura para oferta de cursos dentro da empresa, chamada de Sistema Dual. O foco de aprendizagem do curso é a modelagem masculina, constituído de atividades teóricas e práticas desenvolvidas em ambiente real de trabalho.

Através do PROGRAMA MENOR APRENDIZ DO SENAI, programa de aprendizagem voltado para a preparação e inserção de jovens no mundo do trabalho, fundamentado na Lei 10.097/2000, a empresa assina a carteira de trabalho, tendo o aluno todos os direitos trabalhistas e previdenciários garantidos, recebendo salário mínimo/hora. No âmbito da Lei da Aprendizagem, aprendiz é o jovem que estuda e trabalha, recebendo, ao mesmo tempo, formação na profissão para a qual está se capacitando. Deve cursar a escola regular e estar matriculado e frequentando instituição de ensino profissional conveniada com a empresa.

Segundo Isaura Anzolin, Supervisora Administrativa de Recursos Humanos da Apa Confecções, antes, os cursos eram ministrados na cidade de Cataguases e a mão de obra era absorvida naquela localidade após o término dos cursos e contrato. Com o curso ofertado dentro da empresa, o cenário mudou, sendo a maioria dos jovens de Leopoldina: "Só na zona rural de São Martinho, sete alunas estão frequentando o curso e as demais são  de Leopoldina". Isaura comentou ainda que há um déficit de mão de obra qualificada em nossa região e que os cursos ofertados pelo SENAI estão ajudando a minimizar este problema.

 

 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »