14/02/2015 às 18h23min - Atualizada em 14/02/2015 às 18h23min

Saiba os alimentos que fornecem energia para o carnaval

Aqueles que costumam ingerir bebidas alcoólicas, devem ficar ainda mais atentos à desidratação que é a principal causa da ressaca

Arroz, massa, batata, purê, mandioca e milho ajudam a fornecer energia ao nosso organismo.

Os dias mais festivos do ano estão chegando. Para quem gosta de Carnaval, nada mais importante do que conseguir manter a energia diariamente. Além de alegria, esse período exige disposição para quem quer sambar na avenida ou acompanhar os blocos de rua.

Segundo a nutricionista do Hospital San Paolo – centro hospitalar localizado na Zona Norte de São Paulo-, Flávia Salvitti, os alimentos ricos em carboidratos são os mais indicados para esse momento. Eles liberam glicose ao organismo de maneira lenta, garantindo energia por mais tempo.

“Arroz, massa, batata, purê, mandioca e milho ajudam a fornecer energia ao nosso organismo. Assim como os pães, as barrinhas de cereais, biscoitos integrais que são fáceis de carregar e podem manter um valor energético para que o folião consiga aguentar o samba no pé sem ficar desnutrido”, declara Flávia.

A especialista também aconselha se alimentar em intervalos de três horas, nunca sair de jejum e sempre se hidratar (ingerir no mínimo dois litros de água), já que o suor é frequente nesse período, o que propicia o gasto de energia. Os principais sintomas da desidratação são alterações na temperatura corporal, fraqueza, dor de cabeça e cansaço.

Aqueles que costumam ingerir bebidas alcoólicas, devem ficar ainda mais atentos à desidratação que é a principal causa da ressaca. “O ideal é intercalar a bebida com copos de água, suco ou água de coco. Dessa forma bebe-se menos, uma vez que o estômago fica cheio e reduz espaço para bebidas em excesso“, afirma Flávia.

Para os dias de festa, a nutricionista também aconselha evitar os alimentos gordurosos, que incluem frituras, condimentos, embutidos, linguiça, salsicha, mortadela, salame, queijos amarelos, molhos e maionese. Eles não são saudáveis em nenhum período da vida e também podem ser indigestos.

Fonte: Patricia Macedo-Assessora de Imprensa Grupo Image-Hospital San Paolo


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »