04/06/2015 às 10h04min - Atualizada em 04/06/2015 às 10h04min

Crise motiva visita da Comissão do Trabalho à Mercedes-Benz

Em Juiz de Fora, fornecedoras de peças, como a Fast Plas Automotive, fecham as portas e iniciam processo de demissão.

Tendo em vista a crise que se instalou no setor automotivo e a consequente possibilidade de demissões, a Comissão do Trabalho, da Previdência e da Ação Social da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) vai visitar a fábrica da DaimlerChrysler – Mercedes-Benz, na Rodovia BR-040, km 773, Distrito Industrial II, em Juiz de Fora (Zona da Mata). A visita será realizada na próxima quinta-feira (11/6/15), às 10 horas.

O autor do requerimento para realização da visita é o deputado Isauro Calais (PMN). Ele explica que a finalidade é verificar a real situação da fábrica e procurar saber quais os planos da empresa para o futuro, em Juiz de Fora. O deputado se diz preocupado com a situação no município, onde várias empresas estão fechando as portas, em razão da crise, como a Fast Plas Automotive, fornecedora de peças para a Mercedez-Benz, que já demitiu 50 funcionários.

Segundo o parlamentar, a Mercedes é a maior geradora de ICMS e IPTU daquele município da Zona da Mata. A empresa é responsável por cerca de 1000 empregos diretos. “Juiz de Fora não pode se dar ao luxo de perder uma indústria como a Mercedes-Benz”, diz. O deputado afirma que a Zona da Mata “está empobrecendo a cada dia”, o que vem se agravando devido à política de incentivos fiscais. Enquanto no Estado do Rio de Janeiro o ICMS cobrado é de 2%, em Minas Gerais é de 18%, observa. Essa política, segundo o deputado, desestimula as empresas, levando-as a procurar outros Estados para investir.


--
Assembleia de Minas

Assembleia de Minas

Assessoria de Imprensa
Telefones: (31) 2108-7715 / 2108-7481
Fale com a Assessoria de Imprensa
Acesse a Sala de Imprensa com notícias e banco de fotos

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »