18/11/2015 às 08h01min - Atualizada em 18/11/2015 às 08h01min

Desenvolvimento industrial de Cataguases é tema de evento realizado pela FIEMG Regional ZM

Potencialidades e reivindicações do município foram apresentadas durante a reunião

Secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Altamir Rôso

A FIEMG Regional Zona da Mata, em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Cataguases (ACIC) e com o apoio da Prefeitura Municipal de Cataguases, Grupo Energisa e Companhia Industrial Cataguases, realizou, no dia 17 de novembro, um encontro empresarial em prol do desenvolvimento industrial da cidade e sua microrregião. O evento, denominado “Reunião Municipal de Empresários para o Desenvolvimento do Polo Industrial de Cataguases”, aconteceu no Centro Cultural Humberto Mauro, reunindo lideranças empresariais e autoridades políticas para debaterem propostas para a criação de uma nova ambiência econômica regional, contidas no estudo “Perspectivas de Desenvolvimento para a Zona da Mata Mineira”, elaborado pela FIEMG, além de propostas específicas para o desenvolvimento de Cataguases.

Segundo dados de 2014 da Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais, o município de Cataguases ocupa o segundo lugar em arrecadação de ICMS entre os municípios da Zona da Mata, perdendo apenas para Juiz de Fora. O município apresenta também o maior PIB Industrial entre os 19 municípios que formam sua microrregião. A reunião empresarial teve a participação do presidente do Sistema FIEMG e do Conselho Deliberativo de SEBRAE-MG, Olavo Machado Junior; do presidente da FIEMG Regional ZM, Francisco Campolina; do secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais, Altamir Rôso; da diretora de Fomento à Indústria Criativa da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (Codemig), Fernanda Medeiros; do prefeito municipal, César Samor; além de representantes de entidades e empresários locais.

O encontro foi aberto pelo presidente da empresa Multifiber Industrial, Humberto Peixoto, e pelo presidente da Energisa Minas Gerais, Eduardo Mantovani. Em seguida, o presidente da FIEMG Regional ZM, Francisco Campolina, apresentou o estudo “Perspectivas de Desenvolvimento para a Zona da Mata Mineira”, que contém propostas que incluem investimentos em infraestrutura, mudanças na política tributária e fiscal, ambiental e desenvolvimento social para toda a região. Foi realizada ainda uma apresentação, pelo secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Gestão Institucional de Cataguases, Alex Carvalho, e pelo presidente da Associação Comercial e Industrial de Cataguases, Ricardo Mattos, das potencialidades do município e das reivindicações para a revitalização e expansão do Polo Industrial da cidade.

Eles fizeram ainda a entrega da publicação “Perspectivas de Desenvolvimento Econômico de Cataguases e Região” ao secretário de Estado, Altamir Rôso, e aos demais componentes da mesa. O documento contém reivindicações como a expansão do Distrito Industrial da cidade; o fortalecimento do Polo Audiovisual; a implantação de uma política tributária e fiscal diferenciada; apoio para a realização da Feira Industrial e Comercial de Cataguases; investimentos em Logística e Infraestrutura, como a reconstrução e retomada do acesso do Distrito Industrial ao Trevo da BR-120/MG, reconstrução do acesso Taquara Preta ao Trevo, abertura de novo acesso ao Centro da cidade, recapeamento asfáltico de algumas avenidas e trechos; a revitalização do Aeroporto da Lajinha no município de Leopoldina) e o recapeamento da Rodovia Ormeo Junqueira Botelho, entre outras.

A diretora da Codemig, Fernanda Medeiros, ressaltou a importância e o potencial do Polo Audiovisual de Cataguases e disse que a Codemig em 2015 teve uma mudança muito grande em sua forma de trabalhar, atuando de maneira diversificada, não só em assuntos de infraestrutura, mas valorizando também a importância da indústria criativa. O presidente do Sistema FIEMG e Sebrae-MG, Olavo Machado, enalteceu o trabalho que tem sido feio por Francisco Campolina para reverter o quadro de esvaziamento econômico da Zona da Mata e sugeriu que os esforços sejam concentrados no Desenvolvimento do Polo Audiovisual. “Precisamos ousar mais e fazer coisas que realmente modifiquem a economia regional”, disse. Ele garantiu ainda o apoio da FIEMG e do Sebrae-MG para que a realização da Feira Industrial seja retomada.

O secretário Altamir Rôso considerou as reinvindicações legítimas e disse que é desta forma que conseguiremos mudar as perspectivas da região. Encerrando o encontro, o prefeito César Samor afirmou que acredita que novos caminhos para o desenvolvimento da cidade e região se abrirão a partir deste evento. “Precisamos unir forças, compondo parcerias e trabalhando em conjunto”, disse. Após o término da solenidade, as autoridades políticas e empresariais participaram de uma visita à Companhia Industrial Cataguases, ao Distrito Industrial e ao Polo Audiovisual de Cataguases.

Fonte: Graciele Vianna I Analista de Comunicação da Fiemg Regional Zona da Mata


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »