05/02/2016 às 09h53min - Atualizada em 05/02/2016 às 09h53min

Mais 36 agentes aprovados em processo seletivo entram na guerra contra o Aedes aegypti

O prefeito disse aos Agentes que o objetivo é qualificá-los para que possam prestar um serviço cada vez melhor à população de Leopoldina.

Em breve mensagem aos Agentes, o prefeito declarou que estava mobilizando as forças em Leopoldina para combater o Aedes aegypti.
O Prefeito José Roberto de Oliveira, a Secretária Lúcia Gama (Saúde), o Chefe de Gabinete Luiz Cabral e a Coordenadora de Estratégia de Saúde da Família - Maria Emília Teixeira prestigiaram o ato de posse de 36 funcionários da área de Saúde do Município de Leopoldina na manhã de terça-feira, 2 de fevereiro, realizado na sala de reuniões do Pólo de Saúde Agostinho Pestana.
 
Aprovados em recente Processo Seletivo, os 21 Agentes de Endemias e os 15 Agentes Comunitários de Saúde estarão em treinamento a partir desta semana. Eles começaram a atuar na quarta-feira, 3 de fevereiro, reforçando as ações de combate ao mosquito responsável pela transmissão da Dengue, Chikungunya e Zika vírus. 
 
Na ocasião o prefeito declarou que estava mobilizando as forças em Leopoldina para combater o Aedes aegypti, destacando em sua breve mensagem aos Agentes que o objetivo é qualificá-los para que possam prestar um serviço cada vez melhor à população de Leopoldina. 
 
A Secretária Lúcia Gama falou aos agentes sobre o serviço que eles desenvolverão. Uma palestra com o tema Ética Profissional foi proferida pela Dra. Elisa Shizuê Kitamura - do PSF do bairro Pirineus. A biomédica da Secretaria Municipal de Saúde Natália França Bedim enfatizou a importância de se doar sangue e Vanessa Maria Pereira Pires, do setor de epidemiologia da Gerência Regional de Saúde de Leopoldina deu  início à capacitação dos agentes em relação à Dengue. 
 
Após participar do evento no Pólo de Saúde a Secretária Lúcia Gama informou que com a posse dos novos contratados o município passa a contar com 42 Agentes de Endemias e 82 Agentes Comunitários de Saúde. Ela esclareceu que a Secretaria Municipal desenvolveu um trabalho junto à Casa de Caridade solicitando que todas as notificações do Pronto Socorro sejam enviadas para a SMS. A mesma solicitação foi feita aos laboratórios da cidade. "Nas demais unidades da Prefeitura nós estamos atentos até para comentários que indiquem prováveis casos de Dengue, e nestes casos alguém será enviado para checar, no local, se existe alguma pessoa com os sintomas da doença e se a pessoa saiu ou não da cidade, por exemplo. Com estas medidas nós aumentaremos o número de notificações", disse a Secretária, anunciando que um efetivo militar do Exército chegará na cidade no próximo dia 13 de fevereiro para atuar no combate à Dengue entre os dias 15 e 18 juntamente com os Agentes de Endemias e Agentes Comunitários de Saúde. "Nós contamos com o apoio da população nas ações contra o mosquito Aedes aegypti", concluiu Lúcia Gama.  
 
Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Leopoldina. Foto: Secretaria Municipal de Saúde. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »