12/07/2016 às 09h05min - Atualizada em 12/07/2016 às 09h05min

Carne de lata será lançada no Festival Gastronômico de Piacatuba

Família de empreendedores investe em fábrica em Leopoldina e prepara lançamento do produto num dos maiores eventos gastronômicos de Minas Gerais

João Gabriel B. Meneghite
Embalagem desenvolvida pelo designer Cristiano Fófano
O Distrito de Piacatuba sedia um dos maiores eventos gastronômicos das Minas Gerais, o Festival de Viola e Gastronomia. Além de toda a programação, haverá o lançamento de um produto genuinamente leopoldinense: a Carne de Lata Piacatuba - preparada no antigo jeito de cozinhar. Clássico da culinária caipira, o pernil é cozido em fogo lento na fornalha a lenha e depois conservado na própria banha.

A receita é do Chef Alceir de Andrade (foto), popularmente conhecido como PERIQUITO, que se especializou na arte da culinária mineira, preparando pratos típicos que são um dos maiores patrimônios do nosso estado. O empreendedor é dono da ‘Choperia Ó Pai Ó’ em Leopoldina e participa todos os anos do Festival de Piacatuba. No ano passado, ele foi agraciado com o Prêmio Eduardo Frieiro, considerado o maior reconhecimento da gastronomia de Minas Gerais com o seu famoso ‘Rocambole de Torresmo’.

A Carne de Lata Piacatuba estará à disposição dos visitantes do Festival de Viola e Gastronomia de Piacatuba no primeiro dia do evento, que acontece de 27 a 31 de julho. Neste ano, o ‘Restaurante Ó Pai Ó’ será instalado nas dependências da Pousada Bom Gosto, localizada na Praça Santa Cruz, no distrito de Piacatuba. Além de ser vendida, a Carne de Lata Piacatuba faz parte do cardápio do restaurante, com acompanhamento de arroz branco, tutu, couve e banana frita, além de outros pratos, como o tradicional rocambole de torresmo, a conchinha de jiló recheada com lingüiça e a carne tropeira, servida com purê de mandioca, arroz com alho, carne de boi cozida ao leite e couve rasgada.

Com sabor irresistível, a Carne de Lata Piacatuba é um produto fino e já está recebendo propostas de distribuidoras para representá-lo. É fabricada pela Vó Maria Comércio de Carnes, empresa familiar de Karoline e Kassiano Gonçalves, filhos do casal Aparecida  do Carmo Gonçalves Silva e Alceir Andrade Silva.

A família de empreendedores investiu numa pequena fábrica, na Chácara São José, localizada na Rodovia Ormeo Junqueira Botelho, estrada Leopoldina-Cataguases, que recebeu investimentos na construção de uma ampla cozinha industrial, com fornalhas a lenha e grandes tachos de cobre, onde trabalham seis pessoas da família.

A lata vem com dois quilos de carne de porco, sendo temperada apenas com sal, alho e pimenta do reino, não tendo conservantes. Tem a validade de um ano e um sabor bastante agradável.

Maiores informações e encomendas: (32) 9 9941-6795 – Alceir de Andrade
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »