29/07/2016 às 16h06min - Atualizada em 29/07/2016 às 16h06min

Léo Mantovani, de Ubá, é o campeão da etapa regional do Festival de Viola de Piacatuba

O leopoldinense Rodrigo de Sá Schettino, vocalista da Banda Hey Joe, ficou com o troféu de Melhor Intérprete e a dupla Fabiano e Marcial com o de Melhor Violeiro.

Fernanda Espíndola
O cantor Léo Mantovani saiu de Piacatuba como novo campeão da 14ª edição do Festival de Viola, etapa regional.(Foto: Sérgio Lopes/ divulgação)
Em uma noite onde o público aguardava ansiosamente pela apresentação do mineiro Zé Geraldo, que no início da madrugada empolgou a plateia com seus lindos versos, o cantor Léo Mantovani saiu de Piacatuba como campeão da 14a edição do Festival de Viola, etapa regional. Acompanhado do Quarteto Cantos de Minas e com a música "Santa Cruz Queimada", que foi escrita exclusivamente para o Festival e em homenagem ao distrito de Piacatuba, Léo garantiu para a cidade de Ubá, onde é radicado, o maior prêmio da segunda noite do Festival de Viola de Piacatuba. O segundo lugar ficou com a dupla Fabiana Carvalho e Fábio Castro, com a música "Paisagens", e o terceiro com Bráulio Hilário, que cantou "Assim é o meu Amor".
Léo Mantovani no palco em Piacatuba
O leopoldinense Rodrigo de Sá Schettino, vocalista da Banda Hey Joe, ficou com o troféu de Melhor Intérprete e a dupla Fabiano e Marcial com o de Melhor Violeiro. O Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia prossegue hoje com o tradicional cortejo de violeiros, a partir das 19h30. Em seguida, começa a disputa da etapa nacional do Festival de Viola, que premiará cinco candidatos. Diorgem Júnior, vencedor do 13º Festival (etapa nacional) com a música "Viola Esperançada", fará sua estreia como artista convidado e, em seguida, o cantor e compositor pernambucano Sérgio Andrade, fundador da Banda de Pau e Corda, se apresentará pela primeira vez no palco de Piacatuba.

A 14a edição do Festival de Viola de Piacatuba e Gastronomia é produzida e coordenada por Maria Lúcia Braga e tem patrocínio da Energisa, incentivo do Governo de Minas, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, e apoios da Fundação Cultural Ormeo Junqueira Botelho, Itaipava, Unimed, Hotel Minas Tower, Sol e Neve e Prefeitura Municipal de Leopoldina.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »