16/09/2016 às 19h16min - Atualizada em 19/09/2016 às 14h01min

Cataguases sedia Congresso de Arquitetura em outubro

Evento é totalmente gratuito com vagas limitadas. Inscrições já estão abertas no site www.catscataguases.com.br

Nos dias 8, 9 e 10 de outubro de 2016, Cataguases receberá a terceira edição do Congresso de Arquitetura, Turismo e Sustentabilidade, o CATS. As inscrições já estão abertas desde o dia 12 de setembro, e devem ser feitas exclusivamente no website www.catscataguases.com.br, onde também está disponível a programação completa do evento.
 
Com todas as atividades oferecidas gratuitamente, o congresso é destinado a um público amplo e diversificado, afins aos campos arquitetônicos, turísticos e de sustentabilidade, tal como estudantes e professores de graduação e pós-graduação, profissionais, estudiosos e pesquisadores.
 
O evento também será aberto para a participação de educadores e alunos dos Ensinos Fundamental e Médio, além de gestores públicos das diversas esferas. O encontro deste ano tem como tema "Dinâmicas Urbanas e Atratividades", e constará de oficinas de capacitação, visitas guiadas, sessões de comunicação, palestras, mesas-redondas e lançamentos de livros.
 
Este ano será feita uma homenagem ao arquiteto Aldary Henriques de Toledo, que possui um grande número de obras na cidade e que projetou o Cine Teatro Edgard, que este ano completa 70 anos.
 
Em 2016, destacam-se as participações dos professores Fernando Moreira–DOCOMOMO Brasil, de Marcos Casado – SUSTENTECH e de Célia Corsino– IPHAN-MG e Michele Arroyo IEPHA-MG, Carlos Goes, da Fundação Planetário do Rio de Janeiro, entre outros.
 
Com coordenação geral de Elisabete Kropf, o CATS tem por objetivo criar em Cataguases, um polo de encontro e de discussão sobre a preservação do patrimônio edificado na cidade, conscientizando todos sobre a sua importância e como a preservação destes patrimônios pode ser explorada turisticamente e com sustentabilidade.
 
Assim, tal como nas edições realizadas em 2012 e em 2014, os debates propostos indicarão ações voltadas para o desenvolvimento econômico e turístico que evitem impactos na estrutura arquitetônica e urbanística original da cidade.
 
O projeto é patrocinado pela Energisa, Bauminas e Zollern, por meio da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais – CA0749/001/2014. A Casa Mattos e a Methodus Engenharia também patrocinam o evento, que é apoiado pelo IEPHA-MG (Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico) e pelo IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional).
 
As Universidades Federais UFJF, UFV, UFRJ, UFOP, além da Universidade Estadual UEMG e a UNIS-FIC, apoiam institucionalmente o evento. A Fundação Ormeo Junqueira Botelho, a Fundação Simão José Silva, o IAB Brasil, o LAPA, o Docomomo Brasil, Permear, Vitruvius e Sustentech apoiam culturalmente o evento.
 
Fonte: Elisabete Kropf -Coordenadora Geral 3º CATS

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »