15/11/2016 às 19h16min - Atualizada em 15/11/2016 às 19h16min

Juizado Especial de Leopoldina terá 120 audiências na Semana de Conciliação

11ª Semana Nacional da Conciliação será realizada de 21 a 25 de novembro,

A 11ª Semana Nacional da Conciliação, a ser realizada de 21 a 25 de novembro, a pauta do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) alcançou 23.844 audiências agendadas. A mobilização proposta pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) alcançou alta adesão, mostrando o esforço do Judiciário mineiro pela cultura do acordo. Foram pautadas 7.463 audiências na justiça comum e 6.264 nos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc).

O número de unidades jurisdicionais que agora participam superou o de 2015: no ano passado foram 157 comarcas, 150 varas judiciais e 67 unidades dos juizados especiais. Em 2016, 176 comarcas aderiram e 196 varas.

Na Comarca de Leopoldina a Unidade do Juizado Especial, sob o comando do Juiz Gustavo Vargas de Mendonça, teve 120 audiências confirmadas no dia 3 de outubro de 2016, conforme publicação no site do TJMG.

Um incremento neste ano é o ingresso de mais Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania, já que várias unidades foram instaladas nos últimos meses. Dos 88 centros judiciários (84 no interior e quatro especializados na capital: social, ambiental, de família e de 2º Grau), 93% agendaram audiências de conciliação, o que representa 82 Cejuscs.

As comarcas que lideram a lista com as pautas mais extensas nos juizados especiais são: Belo Horizonte, com 3.391 audiências, Juiz de Fora, com 655 Manhuaçu, com 450, Itaúna, com 288, e Pouso Alegre, com 287.

Nos Cejuscs, os maiores agendamentos foram na capital (1.147), em Contagem (800), Itabira (334), Barbacena (250) e Brumadinho (227). A Justiça comum foi destaque em Francisco Sá, com 407 audiências, Congonhas, com 360, Jequitinhonha, com 330, Brumadinho, com 210, e Carlos Chagas, com 184 audiências.

Consulte a lista de adesão dos juizados especiais e das comarcas e varas.

 
Assessoria de Comunicação Institucional do Tribunal de Justiça de Minas Gerais


 
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »