29/11/2016 às 14h51min - Atualizada em 29/11/2016 às 14h51min

1º Exposição de Peixes Ornamentais de Muriaé e Região

Ação vai apresentar as tendências do mercado de peixes ornamentais e debater as principais necessidades dos piscicultores da região

Luciana Grillo - Assessoria de Imprensa do Sebrae
Nos dias 7 e 8 de dezembro, o Sebrae Minas promove a 1º Exposição de Peixes Ornamentais de Muriaé e Região, em parceria com a Associação dos Aquicultores  de Patrocínio de Muriaé e Barão do Monte Alto (AAQUIPAM-BMA) e a Associação dos Aquicultores do Vale do Glória (AAQUIVAG). O evento ocorre no Sesc Muriaé. A inscrição é gratuita e deve ser feita pelo telefone (32) 3721-9722. 
 
No evento serão apresentadas as tendências do mercado de peixes ornamentais e debatidas as principais necessidades dos piscicultores desse segmento na região. Segundo dados do setor, a indústria pet brasileira foi responsável por um faturamento de mais de R$ 18 bilhões em 2015, crescimento de 7,6% sobre 2014, e terceiro lugar absoluto no mercado mundial, atrás apenas dos Estados Unidos e Reino Unido. Os peixes ornamentais estão entre os cinco animais mais demandados, o que anima o setor.
 
Na microrregião de Muriaé, os municípios de Vieiras, São Francisco do Glória, Patrocínio do Muriaé, Barão do Monte Alto, Miradouro e Muriaé são responsáveis pela produção de aproximadamente 65% dos peixes ornamentais comercializados no Brasil. “Estas cidades polarizam a criação dos peixes que enfeitam aquários em praticamente todas as regiões do país. São mais de 200 produtores, em sua maioria pequenos, que fazem da atividade sua principal ou única fonte de renda”, destaca o analista do Sebrae Minas em Muriaé, Galvão Emerick. 
 
Estima-se que a cadeia produtiva de peixes ornamentais movimente, por ano, mais de US$15 bilhões no mundo, segundo dados divulgados pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama). Para especialistas do setor, o Brasil tem grande potencial de crescimento, sobretudo em regiões como a Zona da Mata mineira, onde, desde a década de 1980, a atividade vem sendo desenvolvida por pequenos produtores rurais. Para fortalecer o segmento, que é fonte de renda para cerca de 500 famílias locais, no final de 2012 o Sebrae Minas iniciou um projeto na região.  Os principais objetivos são organizar os produtores, suprir a carência por informações técnicas e legislação ambiental na área. O projeto reúne 60 participantes, que já contabilizam resultados com os trabalhos.
 
Programação
7/12
18h às 18h30: Abertura 
18h30 às 19h30: Palestra Tendências de mercado de peixes ornamentais no Brasil, com Bruno Machado Queiroz (Sebrae Minas)
19h30 às 20h: Coffee break
20h às 21h: Palestra Linhas de crédito para piscicultura (Banco do Brasil / Sicoob Credisudeste)
 
8/12
18h30 às 19h30: Palestra Mapa estratégico do Polo de Piscicultura Ornamental, com Gustavo Vanucci (Sebrae Minas)
19h30 às 20h30: Mesa redonda Futuro do Polo de Piscicultura Ornamental
20h30 às 21h30: Apresentação dos resultados da exposição com a entrega de certificados de participação dos piscicultores
 
1º Exposição de Peixes Ornamentais de Muriaé e região
Data: 7 e 8 de dezembro de 2016
Local: Sesc Muriaé (BR-356, Km 269, 4555, Leblon, Muriaé)
Informações e inscrições: (32) 3721-9722

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »