22/05/2017 às 08h10min - Atualizada em 22/05/2017 às 08h10min

Oficializada a renúncia do prefeito de Cataguases à presidência do CISUM

"Não adianta eu querer cuidar de todos os municípios da microrregião e às vezes não dar conta de Cataguases", disse William Lobo.

Edição: Luiz Otávio Meneghite
O Prefeito de Cataguases, Willian Lobo de Almeida
O Diário Oficial dos Municípios Mineiros publicou em sua edição nº 2000, de 16 de maio, a ata da reunião ocorrida no dia 5 de maio, na sede do CISUM em Leopoldina, na qual o prefeito de Cataguases, William Lobo de Almeida, na ocasião representado por seu Secretário Municipal de Saúde, Eliermes Teixeira de Almeida, oficializou a sua renúncia em caráter irrevogável ao cargo de Presidente do CISUM-Consórcio Intermunicipal de Saúde União da Mata para o qual tinha sido eleito em janeiro deste ano.
 
Renúncia causou surpresa
 
Segundo o jornalista cataguasense Marcelo Lopes, o Prefeito de Cataguases, Willian Lobo de Almeida, já havia anunciado no dia 27 de abril, durante uma reunião com secretários municipais de saúde da região e demais autoridades, sua renúncia ao cargo de presidente do CISUM - Consórcio Intermunicipal de Saúde União da Mata. A notícia pegou a todos de surpresa e conforme o próprio prefeito disse, foi uma decisão tomada após "avaliar com muito critério a situação do município e as demandas da saúde de Cataguases e região".  Antes de falar sobre a renúncia, o prefeito fez questão de dizer que Cataguases "vai continuar fazendo parte da rede", salientou. Sobre sua decisão, que garantiu ser irrevogável, o motivo é a grande carga de trabalho. "Não adianta eu querer cuidar de todos os municípios da microrregião e às vezes não dar conta de Cataguases", revelou.
 
Quem está no comando
 
De acordo com a ata e o termo de posse publicados no Diário Oficial dos Municípios Mineiros, assumiu a presidência do CISUM, Maria Juscélia Baesso Procaci, atual prefeita de Santana de Cataguases, tendo como vice-presidente, Maria de Fátima Guerra Cabral, atual prefeita de Estrela Dalva, com mandato iniciado em 08 de maio de 2017 até 08 de maio de 2018, podendo ser prorrogado conforme legislação pertinente.

O CISUM é formado pelos Municípios de Argirita, Astolfo Dutra, Cataguases, Dona Euzébia, Estrela Dalva, Itamarati de Minas, Leopoldina, Recreio, Pirapetinga, Santana de Cataguases e Volta Grande.







CEAE terá Gerente com salário de R$2.500,00

O antigo Centro Viva a Vida de Referência Secundária, atualmente denominado CEAE-Centro Estadual de Atenção Especializada, localizado na esquina das ruas Cândido Ladeira e Presidente Carlos Luz, em Leopoldina, cuja gestão administrativa foi cedida ao CISUM, passará a ter um Gerente de Serviço de Saúde, cargo comissionado de livre nomeação e exoneração, que será responsável por coordenar, dirigir, controlar e supervisionar os assuntos relativos à assistência prestada aos usuários. De acordo com publicação no Diário Oficial dos Municípios Mineiros, o profissional escolhido para o cargo deverá ter nível superior da área de saúde e trabalhará carga horária de 40 horas semanais com salário de R$2.500,00 por mês.

CISUM credencia hospital de Cataguases

Antes da publicação da Ata que oficializou a renúncia de William Lobo da presidência do CISUM, a Secretária Executiva do CISUM - Consórcio Intermunicipal de Saúde União da Mata, Tarcilia Rodrigues Fernandes, publicou no dia 9 de maio, no Diário Oficial dos Municípios Mineiros, o extrato de homologação do credenciamento do Hospital de Cataguases para a realização de exames de endoscopia digestiva alta, esclerose, hemostasia endoscópica, mucosectomia, tetossigmoidoscopia flexível, polipectomia e vídeocolonoscopia. O credenciamento vale pelo prazo de 12 meses e tem um custo estimado de R$170 mil.

Clínica Urológica Cataguases também foi credenciada

Um extrato de homologação publicado no dia 10 de maio, no Diário Oficial dos Municípios Mineiros, revela que o CISUM credenciou, com inexigibilidade de licitação, a Uroclínica Cataguases Ltda, para a realização de exames urológicos pelo valor estimado de até R$220.710,00 por um ano.

Fonte: Diário Oficial dos Municípios Mineiros 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »