15/05/2018 às 10h02min - Atualizada em 15/05/2018 às 10h02min

Leopoldinense tem tese de Mestrado aprovada com grau ‘A’ no INCA

Bárbara Lúcia Morais de Oliveira Vieira, formou-se em Biomedicina pela FUPAC de Leopoldina.

Edição: Luiz Otávio Meneghite
Bárbara Lúcia Morais de Oliveira Vieira durante apresentação no INCA
A jovem leopoldinense, Bárbara Lúcia Morais de Oliveira Vieira, formada em Biomedicina pela FUPAC de Leopoldina, apresentou nesta segunda-feira, 14 de maio de 2018, às 14:00 horas, no auditório do INCA-Instituto Nacional do Câncer, no Rio de Janeiro, sua dissertação de Mestrado (Pós-graduação Stricto-Sensu) em Oncologia, sendo aprovada com grau ‘A’.
 
Na dissertação intitulada ‘Caracterização do papel do Cofator Transcricional IRF2BP2 na Homeostase e resposta de Linfócitos T’, Bárbara teve como orientador o Dr. João Paulo de Biaso Viola, do INCA.

Na foto acima Bárbara aparece com a banca examinadora e seu orientador. Da esquerda para direita: Dr. Vinicius Cotta de Almeida (FIOCRUZ), Dr. Fábio Barrozo do Canto (UFRJ), Bárbara Moraes Vieira, Dr. Martin Hernan Bonamino (INCA) e o orientador Dr. João Paulo de Biaso Viola (INCA).
 
Com informações do Dr. Teófilo Machado Rodrigues 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »