05/08/2019 às 19h09min - Atualizada em 05/08/2019 às 19h09min

Sebrae Minas investirá R$ 940 mil em consultorias tecnológicas na Zona da Mata e Vertentes

Na microrregião de Cataguases, na qual Leopoldina está inserida, o aporte será de R$ 80 mil para os pequenos negócios

Luciana Grillo (*)
Foto de Jorge Etecheber SESC-SP
Micro e Pequenas Empresas (MPE), Microempreendedores Individuais (MEI), produtores rurais e artesãos da Zona da Mata e Vertentes já podem ter acesso às 30 soluções inovadoras do Sebraetec, programa que investirá R$ 940 mil na região em 2019. Na microrregião de Cataguases, o aporte será de R$ 80 mil para os pequenos negócios.

O Sebraetec é uma iniciativa nacional do Sebrae que oferece aos pequenos negócios acesso subsidiado a consultorias nas áreas de desenvolvimento tecnológico, produção e qualidade, design e sustentabilidade.

“O programa possibilita às pequenas empresas melhora na competitividade, por meio de ações que promovem o desenvolvimento de soluções que buscam maior eficiência e produtividade, e atende empresas da indústria, do comércio, serviços e agronegócios”, destaca o gerente regional do Sebrae Minas João Roberto Marques Lobo.

Para participar do programa, os interessados devem procurar um ponto de atendimento do Sebrae Minas mais próximo de sua cidade. O empreendedor também pode entrar em contato com o Sebrae pelo telefone 0800 570 0800. Um especialista do Sebrae irá entender a situação do negócio e apontar a solução mais adequada para atender a necessidade de inovação da empresa. Os atendimentos dependerão das capacidades financeira e técnica, de acordo com as demandas das empresas.

Um consultor credenciado do Sebraetec fará um contato com a empresa demandante e apresentará uma proposta de trabalho enviada inicialmente ao Sebrae que, posteriormente, será validada com a pequena empresa demandante. A proposta sendo aprovada por todos os envolvidos, os consultores iniciação as visitas na empresa, dando todo suporte para implementação das ações de inovação aplicada. A consultoria tem 70% do valor total pago pelo Sebrae Minas e 30% restante custeado pelo dono do negócio. O empresário poderá ainda parcelar o valor de acordo com a complexidade da solução.

Em 2018, foram atendidas mais de 10 mil empresas mineiras, envolvidas em 1.364 projetos assessorados.

Entre os resultados obtidos estão: aumento da eficiência dos negócios, automatização de processos, melhor atuação no comércio eletrônico, criação de novos design e embalagens de produtos, eliminação de desperdícios e redução de custos, implantação de boas práticas de produção e adequação às regulamentações vigentes e melhoria na qualidade dos produtos, serviços e no atendimento.

A previsão é de que, em 2019, mais de dois mil pequenos negócios mineiros sejam beneficiados com a iniciativa até dezembro.

Conheça as 30 soluções do Sebraetec disponíveis em Minas Gerais

•          Adequação da Área de Produção de Alimentos à Legislação Sanitária
•          Boas Práticas Agrícolas
•          Boas Práticas na Bovinocultura de Leite e/ou de Corte
•          Branding
•          Controle e Melhoria de Processos
•          Desenvolvimento de Coleções
•          Design de Interiores e Fachada
•          Diagnóstico para Implantação de E-commerce
•          Eficiência Energética
•          Elaboração de Fichas Técnicas para Comércio e Serviços de Alimentação
•          Elaboração e Implementação de Manual de Boas Práticas No Processamento de Alimentos
•          Identidade Visual
•          Implantação de E-commerce
•          Implantação de Processos de Gestão da Inovação
•          Inserção digital – Desenvolvimento de Website
•          Lean Manufacturing
•          Licenciamento Ambiental
•          Melhoria de Layout Produtivo
•          Melhoria de Processo para Alimentação, Panificação e Confeitaria
•          Metrologia – Ensaios
•          Otimização de uso dos recursos hídricos – Gestão de água
•          Planejamento e Controle de Produção
•          Planejamento Estratégico Tecnológico
•          Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos
•          Quiosque de Venda
•          Redução de desperdício nos pequenos negócios
•          Rotulagem de Alimentos
•          Sinalização
•          Vitrines e Exposito

(*) Assessoria de Imprensa do Sebrae Minas/Juiz de Fora

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »