28/04/2020 às 16h20min - Atualizada em 29/04/2020 às 09h27min

Dr. Ferraz solicita informações sobre decreto de calamidade pública e repasses financeiros ao hospital

O vereador solicitou informações à Prefeitura de Leopoldina sobre os repasses feitos ao Hospital e a vigência do decreto que estabeleceu calamidade pública no município.

Casa de Caridade Leopoldinense (Foto-João Gabriel Baia Menehite)
A Câmara Municipal de Leopoldina aprovou mais dois pedidos de informações ao Executivo relativas às medidas adotadas de combate à propagação do coronavírus. As proposições foram aprovadas na reunião ordinária realizada no dia 14 de abril.

De autoria do vereador José Ferraz Rodrigues, o Requerimento nº 35/2020 solicitou esclarecimentos ao Poder Executivo sobre o prazo de vigência do Decreto nº 4.620, de 08 de abril de 2020, que estabeleceu o estado de calamidade pública no município de Leopoldina. O parlamentar solicitou informações que justifiquem o fato de o decreto vigorar até o dia 31 de dezembro de 2020. Segundo ele, o período de vigência do decreto é longo e coincide com o término do mandato do atual Chefe do Poder Executivo.

Na mesma sessão, José Ferraz Rodrigues também apresentou o Requerimento nº 38/2020 solicitando ao Governo Municipal o envio de documentos referentes aos repasses financeiros efetuados em favor da Casa de Caridade Leopoldinense, que precisa se adequar para enfrentar esta situação de pandemia.

O vereador lembrou que o valor devolvido ao município pela Câmara de Vereadores totaliza R$431.617,47 (quatrocentos e trinta e um mil, seiscentos e dezessete reais e quarenta e sete centavos) e esclareceu que gostaria de saber quanto desses recursos, que são oriundos das economias feitas pelo Legislativo, foi repassado ao Hospital de Leopoldina. Após as discussões regimentais, os requerimentos foram aprovados por unanimidade.

Fonte> Portal da Câmara Municipal de Leopoldina

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »