25/08/2020 às 17h40min - Atualizada em 25/08/2020 às 17h40min

Anunciada a ordem de início de obra de acesso à BR-120, via Taquara Preta, em Cataguases

Intervenção é aguardada há muitos anos pela comunidade de Cataguases e causará impacto na economia e qualidade de vida da população.

Após a conclusão a rodovia ligará o bairro Taquara Preta à BR-120, na altura do trevo que vai para Dona Euzébia.(Mídia Mineira)
O governador Romeu Zema anunciou, nesta terça-feira (25/8), ordem de início para oito obras viárias em diferentes regiões do estado. Entre as obras relacionadas está o contorno de Cataguases que permitirá o acesso à BR-120, via Bairro Taquara Preta, numa extensão de 6,4 km e custará R$16 milhões com financiamento pelo BNDES, beneficiando diversas indústrias e empresas, como a Companhia Industrial Cataguases, uma das mais importantes no setor de tecelagem do país.

Segundo informações publicadas pelo Site Mídia Mineira, de Cataguases, as obras de manutenção e término da conhecida "Estrada da Empa", que liga o bairro Taquara Preta ao trevo da BR-120, podem começar no início de setembro deste ano. A informação foi passada pelo Engenheiro do Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem (DER-MG), Eduardo Soldati Duarte, para a Prefeitura de Cataguases. Segundo ele, já está tudo pronto por parte do DER e a expectativa é que o início aconteça já no dia 1º do mês que vem, dependendo apenas do aval do Estado.

Conforme apurado pelo Site Mídia Mineira, o engenheiro esteve em Cataguases para se reunir com técnicos da Prefeitura de Cataguases onde foram feitos os últimos levantamentos.
 
Após 12 anos de paralisação, através de um esforço da Energisa Minas Gerais, por meio de seu presidente Eduardo Mantovani, com o apoio da Prefeitura de Cataguases, finalmente, a tão esperada conclusão da obra da estrada que formará um anel viário importantíssimo para o desenvolvimento do Município, terá sua conclusão.

Os primeiros 5 quilômetros da rodovia que prometia uma saída para a BR-120 até a BR-116 em Leopoldina, sem a passagem pelo centro da cidade, foram concluídos em 2008, quando a obra foi paralisada, faltando menos de 1,5 quilômetro para a conclusão. De lá pra cá muita promessa foi feita até que a licitação para reforma do trecho pavimentado e conclusão da rodovia aconteceu em novembro de 2018, tendo como vencedora a Construtora Wantec Ltda com o valor de R$ 10,6 milhões. Segundo informações, esta empresa teria desistido de realizar a obra devido à demora e a mesma deverá ser realizada pela segunda colocada, M.A. Engenharia Ltda.

As obras foram viabilizadas graças a um esforço de negociação do Governo de Minas, via Secretaria de Infraestrutura e Mobilidade (Seinfra) e Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag), junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e à Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge), órgãos fontes dos recursos.

Fontes> Central de Imprensa do Governo de Minas Gerais e Site Mídia Mineira
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »