24/11/2020 às 17h51min - Atualizada em 24/11/2020 às 17h51min

Prefeito eleito e comissão de transição visitam Câmara Municipal de Leopoldina

Pedro Augusto solicitou suplementação de 30% no orçamento do próximo ano e alteração no índice de cálculo do IPTU

A Câmara recebeu membros da Comissão de Transição.
Na manhã desta terça-feira (24/11), o prefeito eleito Pedro Augusto Junqueira Ferraz e membros da Comissão de Transição estiveram visitando a Câmara Municipal com a finalidade de conversar com os atuais vereadores. Eles foram recepcionados pelos integrantes da Mesa Diretora do Legislativo: Waldair Barbosa Costa – presidente, José Augusto Cabral – vice-presidente, Jacques Villela - 1º secretário e Valdilúcio Malaquias – 2º secretário.

A Comissão de Transição foi representada por Marcelo Junqueira Ferraz (coordenador), José Eduardo Coelho Branco Junqueira Ferraz, Sarah Dutra Moraes Ferraz, Sérgio Duarte Benatti, José Márcio Fajardo Campos, João Paulo do Vale Fófano e Adriana Vieira da Silva Souza. 

Da atual Legislatura, compareceram os vereadores Rogério Campos Machado, Ivan Nogueira, Hélio Batista Braga de Castro, Pastor Darci José Portella, Sebastião Geraldo Valentim e Jurandy Fófano Vieira. Os vereadores eleitos José do Carmo Fófano e Gilmar Pimentel também marcaram presença.

Pedro Augusto explicou que a visita tinha a finalidade de conversar com os vereadores e anunciou que pretende se reunir periodicamente com o Legislativo para prestar os esclarecimentos necessários, visando gerir a cidade de maneira mais democrática. Segundo ele, a Comissão de Transição já iniciou os trabalhos e verificou duas situações que precisam da aprovação do Legislativo.

O prefeito informou que o IPTU é reajustado pelo IGPM, cujo índice teve uma alta significativa em virtude da crise sanitária que abateu o país e alcançou a marca de 18%. Segundo ele, não é justo penalizar a população com um reajuste neste índice e solicitou apoio dos vereadores no sentido de substituir o IGPM pelo IPCA, com índice de 4%, como parâmetro para o reajuste do IPTU de 2021.

Além disso, Pedro Augusto lembrou que, no primeiro ano de governo, vai trabalhar com um orçamento que não foi elaborado por sua equipe e solicitou a concessão de 30% de suplementação orçamentária, pois há rubricas no orçamento que precisam ser remanejadas para contemplar alguns projetos que são considerados prioritários no seu governo. Os pedidos foram acompanhados por explicações técnicas apresentadas pelos membros da Comissão de Transição.

Em seguida, os vereadores se alternaram em pronunciamentos, enaltecendo a iniciativa do prefeito eleito de, antes mesmo de tomar posse, estabelecer uma relação de diálogo com a Câmara Municipal. Waldair Barbosa Costa explicou que o orçamento municipal ainda não foi votado para dar oportunidade ao novo governo de fazer uma avaliação e sugerir possíveis alterações. Ao final, o Presidente do Legislativo defendeu o diálogo entre os poderes e garantiu que não haverá problemas na aprovação das medidas solicitadas pelo prefeito eleito.

Fonte> Câmara Municipal de Leopoldina
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »