04/10/2014 às 18h34min - Atualizada em 04/10/2014 às 18h34min

Ifet em Cataguases caminha

Cataguases vai realizar primeira consulta pública sobre instalação do IFET

Márcia do Vale Machado
Site do Marcelo Lopes
O Secretário Ângelo Cirino explica como será a consulta pública sobre o Ifet.

Apresentar o projeto de implantação do campus avançado de Cataguases do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sudeste de Minas Gerais – IFET e abrir para discussão coletiva. Esta foi a proposta do encontro promovido pela Prefeitura de Cataguases com o público na noite desta quinta-feira, 2 de outubro, no Centro Cultural Humberto Mauro.

A apresentação do projeto foi conduzida pelo Secretário Municipal de Desenvolvimento e Segurança, Ângelo Cirino, que sinalizou como uma realidade próxima o funcionamento do campus do IFET na cidade, com a oportunidade de oferta de cursos técnicos e de engenharia. A criação do projeto baseou-se no contexto da economia industrial, do polo audiovisual e da economia criativa na cidade.

Com sede no bairro São Diniz, na atual escola IDAIC, o campus pretende desenvolver os cursos do Pronatec, do Governo Federal; Programa Mulheres Mil; cursos técnicos presenciais em informática, eletrônica e produção de áudio e vídeo; e cursos à distância de segurança do trabalho, agroecologia e de  gerência em saúde.

Na ocasião, os presentes puderem fazer perguntas diretamente ao Secretário e também sugerir quais tipos de cursos devem ser oferecidos pelo IFET. Na plateia, jovens do ensino médio tiveram representatividade e demonstraram interesse pela construção civil, indicando uma demanda para o curso de graduação em engenharia civil.

Sobre as contrapartidas necessárias do município para a instalação do campus, o Secretário afirmou que não haverá nenhum ônus para a prefeitura, exceto o investimento em asfaltamento, iluminação, transporte e a própria doação do espaço. 

O edital para a contratação de até 60 profissionais, do qual 40 vagas destinadas à contratação de professores e 20 vagas para cargos técnicos, deve ser publicado ainda este ano. A perspectiva é que a partir do segundo semestre de 2015 já inicie as aulas., conforme revelou Ângelo.

"Este foi o momento de dar conhecimento à população do projeto aprovado e apresentar a nossa visão de desenvolvimento econômico em relação à cidade. Mostrar por que motivo o projeto foi aprovado daquela forma pelo Ministério da Educação. De agora em diante a reitoria do IFET vai fazer um cronograma de audiências públicas e assumir este papel", disse o Secretário Ângelo Cirino. 

As sugestões dadas pelo publico foram recolhidas e serão entregues para uma comissão do Instituto Federal na próxima segunda-feira, quando farão uma visita técnica de reconhecimento do espaço em Cataguases. A versão completa do projeto está disponível no site da prefeitura em www.cataguases.mg.gov.br/ifet 

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »