08/10/2014 às 07h32min - Atualizada em 08/10/2014 às 07h32min

Estudantes discutem envelhecimento e qualidade de vida

A análise acontece das propostas até o dia 24 de outubro nos pólos, inclusive em Leopoldina

A Plenária Final do Parlamento Jovem ocorre na Assembleia.

Estudantes de 27 municípios mineiros se preparam para a etapa estadual do Parlamento Jovem de Minas. Os jovens estão, por meio das câmaras municipais das cidades participantes, analisando documento-base com 56 sugestões sobre a temática “Envelhecimento e Qualidade de Vida”. O projeto da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), que está em sua 11ª edição, visa à formação política de alunos dos ensinos médio e superior. A cada ano, estudantes discutem e elaboram sugestões sobre um tema de relevância social e do interesse dos jovens.

A análise acontece das propostas até o dia 24 de outubro nos polos de Belo Horizonte (composto por Belo Horizonte, Betim e Contagem), João Monlevade (Itabira e João Monlevade), Juiz de Fora (Juiz de Fora, Leopoldina, Matias Barbosa e Santos Dumont), Uberaba (Conceição das Alagoas, Iturama, Uberaba e Uberlândia), Pouso Alegre e Poços de Caldas (Carvalhópolis, Monte Sião, Poços de Caldas, Pouso Alegre e Santa Rita de Caldas).

Os jovens também têm acesso ao documento-base nas câmaras municipais de Capelinha, Carandaí, Espera Feliz, Montes Claros, Nova Serrana, Ouro Preto, São Sebastião do Paraíso, Visconde do Rio Branco e Viçosa, cidades que não integram os polos regionais do Parlamento Jovem de Minas. O documento foi organizado por uma equipe da ALMG a partir das sugestões colhidas nas etapas regionais do projeto.

Etapa estadual - A etapa estadual do Parlamento Jovem acontecerá de 29 a 31 de outubro, em Belo Horizonte, com a realização de reuniões com os representantes dos municípios no Sesc Venda Nova e na Escola do Legislativo da ALMG antes da plenária estadual, que acontece na sede do Parlamento mineiro. As reuniões terão por objetivo a apresentação dos relatos das etapas regionais; prestar esclarecimentos aos participantes sobre a dinâmica dos grupos de trabalho e da plenária estadual; além de realizar a escolha dos coordenadores e relatores dos grupos de trabalho.

Regionalização é novidade deste ano-A etapa regional do Parlamento Jovem de Minas, que ocorreu de 1º a 12 de setembro, foi uma novidade neste ano. A ideia foi proporcionar uma discussão intermediária, em que municípios de cinco polos regionais pudessem analisar as propostas da etapa municipal e consolidá-las em um documento que representasse o interesse de toda uma região, e não apenas de municípios isolados. Com esse novo formato, foi ampliada a participação de municípios, escolas e estudantes. Entre as propostas priorizadas pelos estudantes na fase regional, destacam-se o repasse de conceitos sobre envelhecimento nas escolas e a criação de unidades de atendimento ao idoso, para oferecer serviços em áreas como educação, saúde e cultura.

Projeto promove educação legislativa em todo o Estado-O Parlamento Jovem de Minas é um projeto da ALMG em parceria com a PUC Minas e as câmaras municipais participantes. As seis primeiras edições do projeto se limitaram a Belo Horizonte, com apenas uma experiência de interiorização realizada em Arcos e Pains, ambos os municípios no Centro-Oeste do Estado, ainda na edição de 2006. Por meio de parcerias com outras câmaras municipais do interior mineiro, desde 2010 o Parlamento Jovem foi estadualizado.

Nas cidades participantes, as câmaras mobilizam escolas do ensino médio e fazem parcerias com universidades, órgãos públicos, empresas e organizações da sociedade civil para a implementação do projeto, formando uma extensa rede de formação política e educação legislativa em todo o Estado.

Na etapa municipal, os estudantes, com auxílio de monitores das câmaras municipais, estudam o tema do projeto, debatem, elaboram e votam proposições de ação. A etapa regional, desenvolvida em cinco áreas, fica sob a coordenação de municípios polo, com representantes das outras cidades vizinhas. Já a etapa estadual, realizada em Belo Horizonte, reúne representantes de todos os municípios e regiões participantes, sendo coordenada pela Escola do Legislativo da ALMG e pela PUC Minas.

Assessoria de Imprensa da ALMG

 


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »