05/07/2024 às 12h02min - Atualizada em 05/07/2024 às 12h02min

Veja quanto vão ganhar os próximos agentes políticos de Leopoldina

Luiz Otávio Meneghite
Prefeitura Municipal (Foto: Rodrigo Rodrigues) Câmara Municipal (Foto: Luciano Baía Meneghite)
Dois Projetos de Lei de iniciativa da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Leopoldina, embasados na Lei Orgânica Municipal dentro dos limites máximos impostos pela Constituição da República e seguindo regras estabelecidas pelo Tribunal de Contas do  Estado de Minas Gerais, foram submetidos à aprovação dos Vereadores.

O conteúdo do primeiro trata da fixação dos subsídios do Prefeito, do Vice-prefeito e dos Secretários Municipais (incluídos o Chefe de Gabinete, o Procurador-Geral e o Controlador-Geral) para a gestão que terá início em 1º de janeiro de 2025. Na justificativa fica esclarecido que os valores fixados para o subsídio é o mesmo recebido pelos agentes políticos atuais.

Conforme certidão apensa ao Projeto de Lei, expedida pela Controladora Geral Adriana Vieira da Silva Souza, os subsídios atuais são os seguintes: Prefeito- R$21.019,80; Vice-Prefeito R$11.911,22 e Secretários Municipais R$8.407,91.

O segundo Projeto de Lei fixa em R$10.362,97 o subsídio de cada um dos 15 Vereadores do Município de Leopoldina para a Legislatura que terá início em 1º de janeiro de 2025. O valor também é o mesmo recebido pelos atuais vereadores e poderá ser corrigido pelo índice Nacional de Preços ao Consumidor ( IPCA) calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) que o índice oficial de inflação do país.

Fonte: Câmara Municipal de Leopoldina


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »