20/05/2015 às 10h04min - Atualizada em 20/05/2015 às 10h04min

Consultor aconselha empresários investirem em publicidade

"Acho que neste momento não podemos nos levar pelo efeito manada: porque está todo mundo restringindo a publicidade eu também vou restringir”, ensinou.

Marcelo Lopes
O evento denominado ‘Café com Crédito’ foi realizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Cataguases

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Cataguases (CDL) realizou na manhã de terça-feira, 19 de maio, em sua sede, um evento denominado "Café com Crédito", que consistiu em uma palestra cujo tema foi o "Momento Econômico e perspectivas futuras" apresentado por Nélio Araújo – Especialista em BDMG/Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas - FGV e proprietário da AGRA Soluções, sediada em Muriaé, e que tem parceria com diversas empresas e entidades classistas da região. 

O encontro foi aberto pelo presidente da CDL, Humberto Lanzieri, que em seu breve pronunciamento falou de união e crescimento da entidade que preside, elencando algumas conquistas como plano de saúde, realização de campanhas de vendas em datas específicas como Natal e Dia das Mães, entre outros, "que vem fortalecendo o nosso comércio", disse. Ele também divulgou uma informação de que cinco mil pessoas trabalham no comércio da cidade, o que, segundo Humberto, "mostra a força do comércio cataguasense". O presidente da CDL encerrou seu pronunciamento conclamando os presentes a se filiarem à entidade bem como incentivas colegas que ainda não façam parte dela a "cerrarem fileiras conosco", enfatizou.

Outra presença de destaque no evento foi a do Secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e Gestão Institucional, Alex Carvalho. Ele que assumiu a pasta recentemente, elogiou a iniciativa da CDL e falou que sua Secretaria tem como "objetivo principal fomentar o desenvolvimento. O prefeito Cesinha não vai trazer empresas para o município, mas vai buscar as condições para que elas aqui se instalem, frisou Alex. O Secretário também disse estar aberto para "conhecer a realidade dos lojistas através desta instituição. Acredito no diálogo e quero convidar a todos para um bate papo para que possamos fazer exatamente isso, ouvir de vocês a realidade que vivenciam para que possamos juntos elaborar estratégias de ação visando fortalecer o nosso comércio", concluiu.

O diretor e proprietário da AGRA Soluções, Nélio Araújo, conversou com o jornalista Marcelo Lopes, minutos antes do início de sua palestra aos empresários. Segundo ele, a escolha do tema "Momento Econômico e perspectivas futuras" é para falar da crise "porque enquanto uns choram outros estão felizes vendendo lenços. Então, muito resumidamente, nós vamos passar uma mensagem de otimismo, mostrar alguns cases de sucesso de empresas que estão fazendo diferente e estão ganhando dinheiro na crise, enxergando as oportunidades que a crise oferece. E a gente sabe que em Cataguases tem muitos empresários dinâmicos que também sabem fazer diferente" e completou: "Acho que neste momento não podemos nos levar pelo efeito manada: porque está todo mundo restringindo a publicidade eu também vou restringir. Com certeza a leitura está errada. A publicidade agora é investimento. Se está todo mundo restringindo eu vou aumentar a minha publicidade, aumentar o meu marketing, vou criar novas alternativas, para criar público e gerar novas receitas e investimento", completou.

"O momento é de ser criativo e aproveitar as grandes oportunidades que toda crise gera. Não é a primeira crise que o Brasil passa, não vai ser a última e a gente sabe que o brasileiro é um povo bastante criativo e sabe se virar nesse momento", aconselhou. Nélio alerta, porém, que "neste momento o ideal é variar e não colocar todos os ovos numa cesta só. Por exemplo, se a minha empresa trabalha numa linha só e eu não tenho condição de abrir outra para atuar em uma área diferente, talvez a solução seja ampliar sua oferta de produtos, fazer alguma coisa diferente, trocar informações com os funcionários para saber deles o que estão ouvindo do consumidor. Resumindo, o momento é para enxugar os gastos que são possíveis enxugar para que sobre recursos para investir no essencial. Porque o momento é de investir em publicidade, de investir na empresa, de fazer algo diferente e fazer a empresa sair da crise", finalizou Nélio.

Site do Marcelo Lopes, de Cataguases


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »