07/12/2016 às 20h31min - Atualizada em 07/12/2016 às 20h31min

ALMG discute atraso no pagamento a médicos em Cataguases

Comissão de Saúde irá ao município para averiguar situação do atendimento de urgência e emergência.

Hospital de Cataguases(Foto Marcelo Lopes).
O atraso no pagamento aos médicos que trabalham na urgência e emergência do Hospital de Cataguases será discutido em audiência pública da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), na próxima terça-feira 13 de dezembro, às 10 horas, em Cataguases. A reunião, solicitada pelo presidente da comissão, deputado Arlen Santiago (PTB), acontecerá no anfiteatro do hospital, situado na Rua Antônio Augusto Souza Filho, 442/13º andar, no bairro Vila Tereza.

De acordo com o deputado, a reunião atende um pedido da Sociedade de Medicina e Cirurgia de Cataguases (SMCC) e da Associação Médica de Minas Gerais. Em correspondência anexada ao requerimento, o presidente da SMCC, Joseph Antônio Freire, informa que os médicos da urgência e emergência do hospital não estão recebendo em dia, não existe vínculo empregatício nem contrato de prestação de serviço. Além disso, não há reajuste do plantão desde sua criação, em fevereiro de 2014.

“Os médicos estão sem receber há vários meses, e essa situação precisa ser resolvida”, afirma o deputado Arlen Santiago. O parlamentar pretende ainda averiguar a situação dos convênios firmados pelo hospital com o poder público.

Já confirmaram a participação na reunião o presidente da SMCC, Joseph Antônio Freire; o promotor Rodrigo Ferreira de Barros; o presidente da Associação Médica de Minas Gerais, Lincoln Lopes Ferreira; o provedor do Hospital de Cataguases, Wilson Crepaldi Júnior; o secretário municipal de Saúde, Celso Ferreira Benjamim Filho; a gerente regional de Saúde de Leopoldina, Aline Santos de Almeida; o prefeito eleito de Cataguases, Willian Lobo de Almeida; e a vereadora eleita Maria Ângela Girardi.

Também estão convidados o prefeito José César Samor, o presidente da Câmara Municipal de Cataguases, Antônio Batista Pereira; o diretor-geral do Fórum da Comarca de Cataguases, juiz Felipe Teixeira Cancela Júnior; o presidente do Conselho Regional de Medicina, Fábio Augusto de Castro Guerra; e o presidente do Conselho Municipal de Saúde de Cataguases, Eliermes Teixeira de Almeida.


 
Fonte: Assessoria de Imprensa da ALMG
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »